Tecnologia e Ciência Eclipse solar anel de fogo acontece nesta quinta; R7 transmite ao vivo

Eclipse solar anel de fogo acontece nesta quinta; R7 transmite ao vivo

O primeiro alinhamento entre Sol, Lua e Terra de 2021 será visível apenas em alguns países do Hemisfério Norte

Eclipse não será visto do Brasil

Eclipse não será visto do Brasil

Freepik

Quem estiver em uma estreita faixa de terra no Hemisfério Norte, nesta quinta-feira (10), terá o privilégio de observar o primeiro eclipse solar de 2021, que também será o único anelar. O fenômeno será visto em sua totalidade em partes do Canadá, Rússia e Groenlândia. O R7 fará transmissão ao vivo a partir das 5h (horário de Brasília).

Segundo o professor Rodolfo Langhi, coordenador do Observatório de Astronomia da Unesp (Universidade Estadual Paulista), um eclipse solar ocorre sempre que a Lua se posiciona exatamente entre a Terra e o Sol, projetando uma sombra sobre o nosso planeta. Veja no desenho abaixo:

Arte R7

Um eclipse solar anelar, por sua vez, se dá quando a Lua está a uma distância maior da Terra e seu tamanho aparente não é o suficiente para encobrir totalmente o Sol. O nome "anel de fogo" é uma referência ao círculo brilhante formado ao redor da Lua.

De acordo com o professor, eclipses, em geral, sejam eles solares ou lunares, ocorrem no mínimo duas vezes ao ano e, no máximo, sete. Além do anelar, existem outros três tipos de eclipse solar: total, parcial e híbrido.

"O total ocorre quando a Lua encobre totalmente a luz solar, como se o dia se transformasse em noite por alguns instantes", afirma. "Já durante um eclipse parcial, o Sol fica parcialmente encoberto, seja metade, um terço, um quarto ou a porcentagem que for. O híbrido, por fim, é uma 'mistura', e se dá quando em algumas partes do mundo, é possível ver o anelar, e em outras, o total."

O último eclipse solar anelar ocorreu em 2019 e pôde ser observado em partes da Ásia e do Oriente Médio. Os brasileiros serão agraciados com uma visão total de um fenômeno deste tipo somente em 2023.

*Estagiária do R7 sob supervisão de Pablo Marques

Últimas