Tecnologia e Ciência James Webb faz sua primeira foto de um planeta que está fora do Sistema Solar

James Webb faz sua primeira foto de um planeta que está fora do Sistema Solar

Supertelescópio da Nasa conseguiu fazer registro do exoplaneta HIP 65426 b, um gigante formado apenas por gases

Resumindo a Notícia

  • Nasa divulgou imagem do exoplaneta nesta quinta (1º)
  • Exoplaneta está a 355 anos-luz de distância da terra
  • Pesquisadora afirma que novos planetas podem vir a ser descobertos
  • HIP 65426 b não pode ser habitado por humanos por não ter superfície rochosa
Exoplaneta não pode ser habitado por humanos

Exoplaneta não pode ser habitado por humanos

Reprodução: NASA/ESA/CSA/ A Carter (UCSC)/ERS 1386 team/A. Pagan (STScI)

A Nasa divulgou nesta quinta-feira (1°) imagens inéditas feitas pelo telescópio James Webb, que conseguiu registrar um exoplaneta, chamado HIP 65426 b.

Exoplaneta é a denominação usada pelos cientistas para identificar um planeta que não faz parte do Sistema Solar. Apesar de outros terem sido observados e catalogados pelos cientistas, esse é o primeiro registro feito pelo equipamento que foi lançado ao espaço em 2019.

Segundo a agência espacial americana, o HIP 65426 b é um gigante formado por gases e não tem uma superfície rochosa.

Com uma tecnologia de ponta, que custou cerca de US$ 10 bilhões (R$ 52 bilhões, na conversão) para os cofres da Nasa, o James Webb conseguiu flagrar o exoplaneta através de quatro filtros de luzes diferentes.

Confira as imagens do HIP 65426 b, exoplaneta que está a 355 anos-luz de distância da terra:

Ainda segundo a Nasa, este planeta tem uma massa que pode ser até 12 vezes maior do que a de Júpiter, e tem cerca de 15 milhões de anos.

A estrela marcada em cada uma das imagens foi colocada pelos cientistas para indicar a localização do astro que o planeta orbita. Ele foi retirado da imagem, pois é muito brilhante e a forte luz estava bloqueado a visualização do registro.

“Acredito que o mais emocionante de tudo é que é apenas o começo", afirma Aarynn Carter, pesquisadora da Universidade da Califórnia, que liderou a análise das imagens capturadas.

“Ainda há muitas imagens de exoplanetas por vir que irão moldar a nossa compreensão sobre a física, química e formação deles. Nós até podemos descobrir planetas ainda desconhecidos”, completa.

*Estagiário do R7, sob supervisão de Pablo Marques

Nasa revela imagens espetaculares captadas pelo telescópio James Webb

Últimas