Musk acusa Twitter de fraude por acordo de compra

Rede social quer decisão judicial que obrigue o bilionário a comprar a empresa; dono da Tesla apresentou denúncia contra o aplicativo

Elon Musk desistiu, no início de junho, de comprar o Twitter

Elon Musk desistiu, no início de junho, de comprar o Twitter

Dado Ruvic/Reuters

O bilionário Elon Musk acusou o Twitter de fraude no âmbito do acordo de compra firmado com a empresa, por 44 bilhões de dólares, do qual deseja se retirar, segundo documentos judiciais.

Em resposta a uma ação do Twitter, que quer obter uma decisão da Justiça que obrigue Musk a comprar a empresa, o dono da Tesla apresentou uma denúncia, perante um tribunal especializado em negócios no estado de Delaware, em que acusa a rede social de ter falsificado o número de contas monetizáveis, plausíveis para gerar renda, como a AFP pôde consultar nesta sexta-feira (5).

Últimas