Tecnologia e Ciência Netflix está oficialmente fora da disputa no Festival de Cannes

Netflix está oficialmente fora da disputa no Festival de Cannes

A empresa de conteúdo streaming não poderá concorrer à Palma de Outro por não aceitar exibir seus filmes nas salas de cinema

Os filmes da Netflix serão exibido em Cannes apenas fora da mostra competitiva

Os filmes da Netflix serão exibido em Cannes apenas fora da mostra competitiva

Divulgação

A Netflix foi oficialmente banida de competir no Festival de Cannes com produções próprias, de acordo com entrevista do diretor da premiação, Theirry Frémaux, para a Variety.

Em 2017, a plataforma de conteúdo streaming entrou na disputa com “Okja”, de Bong Joon-ho e “Os Meyerowitz: Família Não se Escolhe”, de Noah BaumbachPorém, os filmes não foram exibidos nos cinemas e esse é o principal argumento contra essas produções concorrerem à Palma de Ouro.

Os diretores franceses e os sindicatos se mobilizaram para que as regras da disputa deste ano fossem alteradas. Agora, os longas da empresa poderão ser exibidos no festival, mas não farão parte da mostra competitiva.

"No ano passado, quando nós selecionamos aqueles dois filmes, eu pensei que conseguiria convencer a Netflix a fazer lançamentos no cinema, mas eles recusaram", disse Frémaux.

O elenco do filme Okja com o diretor Bong Joon-ho no tapete vermelho em Cannes

O elenco do filme Okja com o diretor Bong Joon-ho no tapete vermelho em Cannes

Wikipedia

O fim das selfies

Os astros do cinema que passarem pelo tapete vermelho da 71ª edição do Festival de Cannes não poderão registrar o momento com seus smartphones. A intenção é evitar a chegada dos artistas à premiação demore muito tempo. Fremaux nunca foi um entusiasta da selfie e chegou a chamar o ato de "ridículo e grotesco". 

Últimas