Tecnologia e Ciência Projeto leva gritos da quarentena para paisagens remotas na Islândia

Projeto leva gritos da quarentena para paisagens remotas na Islândia

Página na internet permite que qualquer pessoa grave um grito para combater o estresse da pandemia e liberar emoções reprimidas

Qualquer pessoa pode gravar um grito para aliviar o estresse e mandar para a Islândia

Qualquer pessoa pode gravar um grito para aliviar o estresse e mandar para a Islândia

Pixabay

Com o objetivo de ajudar as pessoas a aliviarem o estresse causado pela quarentena durante a pandemia do novo coronavírus, o site oficial de turismo da Islândia, “Inspired by Iceland” (“Inspirado na Islândia), lançou a campanha “Looks like you you need to let it out”, "parece que você precisa colocar para fora", em tradução livre.

Qualquer pessoa pode gravar um grito e depois ter o áudio reproduzida em caixas de som em paisagens remotas da Islândia, como em Snæfellsjökull, um vulcão no topo de uma geleira de 700 mil anos de idade, ou na cachoeira Skógafoss.

Para entrar na brincadeira, basta acessar o site do projeto (https://lookslikeyouneediceland.com/), autorizar o acesso ao microfone do computador ou do celular e gravar. Todas os participarntes recebem um vídeo do próprio grito ecoando por uma paisagens da Islândia e o arquivo ainda fica disponível online para quem quiser ouvir.

Página para gravar gritos e mandar para a Islândia

Página para gravar gritos e mandar para a Islândia

lookslikeyouneediceland/Reprodução

“É importante chamar a atenção para as vantagens da Islândia agora. As pessoas estão sonhando com o momento em que será possível viajar novamente e até planejando viagens em um futuro próximo. Queremos fazer parte dessa conversa”, afirmou Sigríður Dögg Guðmundsdóttir, diretor de turismo da Promova Iceland.

No site do projeto, a terapeuta e consultora de saúde mental Zoë Aston explica que gritar é uma maneira de liberar emoções reprimidas. No entanto, destaca que é se a pessoa precisa de ajuda psicológica precisa buscar ajuda de um profissional.

Últimas