Smartphone com tela dobrável é vendido no Brasil pela primeira vez

Modelo tem telas Amoled de 4,6 e de 7,3 polegadas e chega ao mercado nacional por R$ 12.999 

O modelo conta com o processador Snapdragon 855

O modelo conta com o processador Snapdragon 855

Divulgação/Samsung

A Samsung anunciou que seu modelo com tela dobrável, Galaxy Fold, começa a ser vendido no Brasil a partir desta quarta-feira (22). 

Com seu preço salgado de R$ 12.999, o Fold ganha o título de smartphone mais caro já vendido no Brasil, superando por três mil reais o modelo da concorrente Apple, o Iphone XS Max. Nos EUA, o preço de lançamento foi de 1.984 dólares, cerca de R$ 8 mil em conversão direta.

O Fold conta com duas telas Amoled. O display interno é dobrável e tem 7,3 polegadas quando aberto. O display externo tem 4,6 polegadas. 

Para manter tudo funcionando, o smartphone conta com um processador Snapdragon 855 e 12gb de memória RAM.

As vendas do Galaxy Fold acontecerão em uma janela de apenas 24h. Portanto, quem quiser adquirir o modelo, deve acessar o site da empresa nesta quarta-feira, a partir das 21h, até amanhã (23), também às 21h.

Polêmica no lançamento

Apresentado no início de 2019, o modelo causou muitas polêmicas com suas telas dobráveis. Em abril, jornalistas começaram a reclamar de falhas, como descolamentos, faixas coloridas e um vinco no meio do display.

Sabendo dos problemas, a marca decidiu adiar o lançamento do produto para 6 de setembro, com tela reforçada e camadas protetoras entre as bordas. Portanto, o produto lançado deve apresentar menos problemas que seu primeiro modelo.

* Estagiário do R7 sob supervisão de Pablo Marques