Tecnologia e Ciência Twitch é líder, mas YouTube cresce  em audiência de streaming ao vivo

Twitch é líder, mas YouTube cresce  em audiência de streaming ao vivo

Twitch mantém a liderança, mas a plataforma de streaming YouTube live, do Google, cresceu mais de 25% no segundo trimestre deste ano

Reprodução/Tech Crunch

A plataforma Twitch continua dominando o mercado de streaming ao vivo, alcançando 2,5 bilhões de horas assistidas no terceiro trimestre de 2018, de acordo com um relatório divulgado nesta quinta-feira (25) pela empresa StreamElements e publicado no site Tech Crunch.

O YouTube, por sua vez, aparece como segundo colocado, e vem se aproximando da marca do líder no setor. Sua plataforma de transmissão ao vivo, o YouTube live, havia começado o ano com 15% das visualizações do mercado de streaming ao vivo, e em setembro de 2018 viu sua audiência crescer 25%.

Gráfico mostra volume de horas assistidas nas plataformas de streaming Twitch, Youtube e Mixer

Gráfico mostra volume de horas assistidas nas plataformas de streaming Twitch, Youtube e Mixer

Reprodução/TC

É claro que a plataforma concorrente, o Twitch, ainda se mantém na liderança do mercado, com uma média de 750 milhões de espectadores mensais, que assistiram mais de 813 milhões de horas em setembro deste ano. A plataforma de streaming do Google, por sua vez, teve 226 milhões de horas assistidas e a plataforma Mixer, da Microsoft, teve apenas 13 milhões horas.

Apesar de continuar na liderança, o Twitch não conseguiu manter seu crescimento entre os canais mais visualizados. Entre os 100 principais canais, a audiência caiu. Em janeiro era de 262 milhões de horas e caiu para 254 milhões de horas em setembro.

Entretanto, segundo o relatório da StreamElements, tem mostrado um crescimento fora dos conteúdos de e-sports, que representa entre 9% e 17% da audiência geral do Twitch. Vlogs e transmissões diversas de criadores, por exemplo, já acumularam mais de 41 milhões de horas assistidas no terceiro trimestre deste ano. O crescimento destas transmissões fez a plataforma reorganizar o seu conteúdo em subcategorias como como música, comida e bebida e beleza, além de uma série de outras mudanças.

E-sports tem entre 9% e 17% da audiência geral do Twitch; outros temas tem ganhado mais espaço

E-sports tem entre 9% e 17% da audiência geral do Twitch; outros temas tem ganhado mais espaço

Reprodução/TC

O estudo da StreamElements não foi o único a identificar o fluxo de crescimento do Twitch e o avanço do YouTube em transmissões de ao vivo. O Relatório da empresa StreamLabs também apontou que os fluxos de jogos ao vivo do YouTube estavam aumentando em volume e audiência, assim como a audiência —apesar da metodologia ser diferente entre os dois.

Ainda segundo o site Tech Crunch, chama a atenção o avanço do YouTube no streaming ao vivo de jogos, já que segundo o site, a plataforma acabou com seu aplicativo que era voltado para o setor, o YouTube Gaming, o que deve indicar um crescimento ainda mais acentuado nos próximos relatórios de audiência do setor de streaming.