Cidades

14/2/2013 às 01h10

Coronel do Corpo de Bombeiros que concedeu alvará a Kiss em 2009 deve ser ouvido pela polícia esta semana

Delegado informou que pretende terminar inquérito até o dia 26 de fevereiro

Do R7, com Rede Record

A Polícia Civil de Santa Maria (RS) pretende ouvir, ainda esta semana, o depoimento do coronel reformado do Corpo de Bombeiros Daniel da Silva Adriano. Ele concedeu o alvará de funcionamento da boate Kiss em 2009, após certificar o Plano de Prevenção de Incêndio apresentado pelo estabelecimento. Segundo o delegado Sandro Meinerz, cerca de 20 testemunhas devem ser ouvidas até sexta-feira (15).

A data limite para a conclusão do inquérito é 26 de fevereiro, quase um mês após a tragédia que deixou 239 mortos em Santa Maria (RS). O delegado informou que pretende concluir o documento dentro do prazo ou, no máximo, pedir mais cinco dias.

Veja a cobertura completa da tragédia em Santa Maria

Estudante que não foi a Kiss morre uma semana depois com namorado

O inquérito já possui mais de 1.700 páginas e, ao todo, 150 pessoas já foram ouvidas. A prisão temporária dos donos da boate Elissandro Spohr, conhecido como Kiko, e Mauro Hoffmann, e de dois integrantes da banda Gurizada Fandangueira, o vocalista Marcelo dos Santos e o produtor musical Luciano Leão, vence no dia 3 de março. Caso o inquérito não seja concluído nesta data, a polícia deve pedir a prisão preventiva para que eles continuem detidos.

Incêndio

O incêndio na boate Kiss, em Santa Maria, a 290 km de Porto Alegre, aconteceu na madrugada do dia 27 de janeiro e deixou 239 mortos e mais de cem feridos. O fogo teria começado quando a banda Gurizada Fandangueira se apresentava. Segundo testemunhas, durante o show foi utilizado um sinalizador — uma espécie de fogo de artifício chamado "sputnik" — que, ao ser lançado, atingiu a espuma do isolamento acústico, no teto da boate. As chamas se alastraram em poucos minutos.

A casa noturna estava superlotada na noite da tragédia, segundo o Corpo de Bombeiros. O incêndio provocou pânico e muitos não conseguiram acessar a única saída da boate. Os proprietários do estabelecimento não tinham autorização dos bombeiros para organizar um show pirotécnico na casa noturna. O alvará da casa estava vencido desde agosto de 2012.

Polícia faz busca na casa dos músicos da banda Gurizada Fandangueira no RS

Dono de boate passa primeira noite em penitenciária e pede transferência

Esta é considerada a segunda maior tragédia do País depois do incêndio do Grande Circo Americano, em Niterói, região metropolitana do Rio de Janeiro. Em 17 de dezembro de 1961, o circo pegou fogo durante uma apresentação e deixou 503 mortos.

 

 

  • Espalhe por aí:

Veja também

Todas as notícias
Publicidade

Vitrine de ofertas

Publicidade

Compartilhe
Compartilhe
Pacto de morte coletivo

Pais dizem que filhas não demonstraram variação no comportamento

  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Google Plus
Compartilhe
Jovem, rica e bela

Saiba quem é a mulher que largou tudo para ficar com Roger Abdelmassih

  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Google Plus
Compartilhe
Palmas (TO)

Suspeito de estuprar e matar mulher ri ao ser preso e debocha: “Saio em 3 meses”

  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Google Plus
Compartilhe
Crime bárbaro

Mãe conta como matou a filha de 7 anos para ritual no PR; ossada é encontrada

  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Google Plus
  • Últimas de Cidades

  • Últimas de Notícias

Compartilhe
Braço amputado

Tigre ataca menino de 11 anos em zoo do Paraná ; pai responderá por lesão

  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Google Plus
X
Enviar por e-mail
(todos os campos marcados com * são obrigatórios)
Preencha os campos corretamente.
Mensagem enviada com sucesso!