Cidades

5/5/2013 às 08h28 (Atualizado em 5/5/2013 às 08h30)

"Queria ter levado aquele tiro", diz pai de menina baleada durante briga em Goiás

Segundo boletim médico, vítima tem apenas 10% de chances de sobreviver

Do Jornal da Record

Segundo informações da polícia, Sinomar já tem passagem por ameaça Reprodução/Rede Record

Sinomar Firmino Lopes, pai de Kéroly Alves, de 11 anos, baleada na cabeça durante uma briga entre ele o dono de uma pizzaria em Aparecida de Goiânia, diz que não usou a filha de escudo na confusão e afirmou estar arrependido.

— Jamais eu iria querer que acontecesse isso com a minha menina. Queria que acontecesse comigo, queria ter levado aquele tiro dela.

Keroly levou um tiro na cabeça ao tentar proteger o pai durante a briga. A cena foi captada por câmeras de segurança. Ela continua internada e em coma na UTI do Hospital de Urgências de Goiânia. Segundo o último boletim médico divulgado no sábado (4), ela tem apenas 10% de chances de sobreviver.

A irmã que estava com ela e o pai no momento da briga sofre ao lembrar do que aconteceu com Keroly.

— Eu estava ali, né? Nossa, é muito ruim. Eu ali vendo aquilo tudo.

George Araújo desapareceu depois que um mandado de prisão temporária foi expedido contra ele. Ninguém foi encontrado na casa da família. Ele se apresentou à polícia 15 horas depois do crime, mas como não se tratava mais de um flagrante, foi liberado.

Essa não é aprimeira vez que o dono da pizzaria tem problemas com a lei. Segundo informações da Polícia Civil, ele já  tinha passagens pela polícia por desobediência, desacato e resistência. Já o pai da menina baleada tem uma passagem por ameaça.

Sinomar diz que nunca cometeu crime algum. Para ele, só a saúde da filha importa agora.

— A única coisa que eu posso fazer agora ... Eu não tenho raiva dele [George], sabe? A minha dor é tão forte, [estou] tão pensando nela, meu coração está lá por ela.

Assista ao vídeo:

  • Espalhe por aí:

Veja também

Todas as notícias
Publicidade
Compartilhe
X
Enviar por e-mail
(todos os campos marcados com * são obrigatórios)
Preencha os campos corretamente.
Mensagem enviada com sucesso!