São Paulo

18/1/2013 às 10h29 (Atualizado em 18/1/2013 às 10h42)

Bancária morta após derrubar bandidos de moto no Grajaú é enterrada 

Vítima foi atingida com um tiro na cabeça após reagir ao assalto

Do R7, com Agência Estado

Pai chora durante enterro de bancária morta em tentativa de assalto Marcos Bezerra/Futura Press/Estadão Conteúdo

A bancária Priscila Machado Simão, de 33 anos, foi enterrada no Cemitério do Morumbi, na zona sul de São Paulo, na manhã desta sexta-feira (18). Ela foi baleada por dois homens que estavam em uma moto, no Grajaú, quando voltava de uma festa.

A vítima que dirigia um carro foi morta com um tiro na cabeça após reagir a um assalto no bairro do Grajaú, zona sul de São Paulo, na madrugada desta quinta-feira (17). Ela derrubou a moto ocupada por dois bandidos ao perceber que os criminosos queriam abordá-la.

O crime aconteceu na rua Sinfonia Popular por volta das 2h. A motorista estava com uma amiga no carro no momento em que a motocicleta surgiu. O criminoso que pilotava a moto começou a fazer zigue-zague na frente do veículo da vítima. A intenção era obrigar a vítima a parar.

Sensação de insegurança na capital paulista aumentou em 2012, aponta pesquisa

Leia mais notícias de São Paulo

A motorista acelerou o veículo e bateu na moto, mas parou ao ver os criminosos caídos. Um deles se levantou e atirou contra a vítima. Para escapar do local do crime, os criminosos abordaram um motoqueiro. Mas tiveram que abandonar a moto porque o alarme dela disparou. A dupla pegou a moto derrubada pela batida e fugiu.

A vítima foi levada para o Hospital Geral do Grajaú, mas não resistiu ao ferimento. O caso foi registrado no plantão do 101º DP (Jardim das Imbuias).  

Relembre o caso:

 

 

 

 

  • Espalhe por aí:

Veja também

Todas as notícias
Publicidade
Compartilhe
X
Enviar por e-mail
(todos os campos marcados com * são obrigatórios)
Preencha os campos corretamente.
Mensagem enviada com sucesso!