Saúde

13/11/2012 às 01h50 (Atualizado em 13/11/2012 às 01h50)

Mãe carrega gêmea morta no útero para salvar vida da irmã

Um dos bebês morreu depois de passar por uma cirurgia a laser

Do R7

Foi difícil escolher um berço para uma e um caixão para outra, diz mãe Reprodução/Daily Mail

Kerry Carruthers, de 32 anos, que mora em Cornwall, na Inglaterra, descobriu na 24ª semana de gravidez que uma de suas filhas gêmeas morreu após uma cirurgia a laser para corrigir a síndrome de transfusão feto-fetal.

Essa condição ocorre em cerca de 15% de gêmeos idênticos que compartilham a mesma placenta e o fornecimento de sangue no útero. Como há pouco sangue e líquido amniótico, o bebê não consegue se desenvolver muito bem.

Gêmeos dividem a mesma placenta no útero da mãe e quase morrem

Útero é transplantado de mãe para filha pela primeira vez no mundo

Com restos de placenta no útero, mãe quase morre de hemorragia

Como consequência da doença, um dos bebês de Kerry morreu e, para salvar a vida do outro, ela precisou carregá-lo morto em seu útero até entrar em trabalho de parto, segundo o site do jornal Daily Mail.

— Foi de partir o coração ter de escolher um berço para uma e um caixão para outra.

Somente 12 dias depois Kerry conseguiu se despedir definitivamente de sua filha em uma cerimônia na igreja.

  • Espalhe por aí:

Veja também

Todas as notícias

Vitrine de ofertas

Compartilhe
Meningite

Jovem prevê a própria morte e tuíta: "Acho que estou morrendo"

  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Google Plus
Compartilhe
Aparelho com defeito

Lábio de modelo “derrete” após erro de dentista: “Pareço um monstro”

  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Google Plus
Compartilhe
Alimento contaminado

Homem quase morre após ingerir comida japonesa contaminada com vermes

  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Google Plus
Publicidade
Compartilhe
  • Últimas de Saúde

  • Últimas de Notícias

Compartilhe
Ebola

Mulheres que teriam morrido"ressuscitam" e causam medo e pânico na Libéria

  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Google Plus
Compartilhe
Superação

Mães não desistem de filhas com doença rara: "É uma luta que vale a pena"

  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Google Plus

Guia Mais - Saúde

Farmácia/Drogaria
Hospitais
Consultórios
X
Enviar por e-mail
(todos os campos marcados com * são obrigatórios)
Preencha os campos corretamente.
Mensagem enviada com sucesso!