Nasa lança satélite para medir gás carbônico na atmosfera

Depois de falha em foguete Delta, envio do instrumento medidor teve que ser reagendado

Envio do satélite foi feito nesta quarta-feira (02)
Envio do satélite foi feito nesta quarta-feira (02) NASA/Bill Ingalls

A Nasa lançou seu satélite para medir dióxido de carbono (gás carbônico), um dos principais gases responsáveis pelo efeito estufa. O foguete Delta II partiu da Base Aérea de Vandenberg, na Califórnia, nesta quarta-feira (02).

O lançamento do satélite estava previsto para a terça-feira (1º), mas, devido a um problema técnico com o foguete, de acordo com a Nasa, o envio teve que ser reagendado para o dia seguinte.

Nasa registra formação de tempestade vista do espaço

A missão coletará medidas globais de gás carbônico na atmosfera da Terra e vai fornecer aos cientistas uma melhor compreensão de como os oceanos, os solos e as florestas da Terra absorvem dióxido de carbono e se esta capacidade está mudando.

De acordo com o site Weather, depois de um período de seis ou sete semanas, o instrumento começará sua missão de varrer a Terra. Uma vez em órbita polar, o satélite dará uma volta na Terra a cada 100 minutos. Ele vai medir os níveis de gás carbônico, olhando para a intensidade da luz solar refletida pela presença de CO2 em uma coluna de ar.

A Nasa espera começar a disponibilizar os dados coletados gratuitamente a partir do próximo ano.