Brasil Petrobras se alia aos estados para combater furto em seus dutos

Petrobras se alia aos estados para combater furto em seus dutos

A ideia é desenvolver uma parceria com governos estaduais para combater o furto de petróleo e derivados nas suas redes de transporte

O presidente da Petrobras, Roberto Castello Branco

O presidente da Petrobras, Roberto Castello Branco

Wilton Junior/Estadão Conteúdo - 15.03.2011

O presidente da Petrobras, Roberto Castello Branco, participa na próxima sexta-feira, às 10h, de uma cerimônia de lançamento do Programa Integrado Petrobras de Proteção de Dutos (Pró-Dutos). A ideia é desenvolver uma parceria com governos estaduais para combater o furto de petróleo e derivados nas suas redes de transporte.

"Durante o evento, serão assinados protocolos de intenções com governos estaduais para a cooperação nos campos da inteligência e da segurança para minimizar os riscos e impactos dos furtos dos produtos transportados pelos dutos", informou a empresa em nota. O lançamento acontecerá na sede da Petrobras, no centro do Rio.

Casos

Em 26 de abril, uma tentativa de furto provocou vazamento de um duto da Petrobras no município de Duque de Caxias, na Baixada Fluminense. A menina Ana Cristina Pacheco Luciano, de 9 anos, que teve 80% do corpo queimado por causa do vazamento, não resistiu ao ferimento e morreu.

Na segunda-feira (3), uma quadrilha em Goiás alugou uma fazenda com o objetivo de furtar o combustível diretamente do duto da Petrobras. Segundo a polícia, o diesel era vendido para receptadores em postos. Teriam sido roubados cerca de 20 mil litros de óleo. 

Últimas