Brasília Adolescente indígena morre eletrocutado em aldeia do Noroeste

Adolescente indígena morre eletrocutado em aldeia do Noroeste

Jovem de 15 anos estaria usando um celular conectado à tomada no momento da descarga elétrica. Chovia na região

  • Brasília | Do R7, em Brasília

Adolescente estaria usando um celular conectado à tomada no momento da descarga elétrica

Adolescente estaria usando um celular conectado à tomada no momento da descarga elétrica

Corpo de Bombeiros/Divulgação

A Polícia Civil do Distrito Federal investiga a morte de um adolescente indígena de 15 anos após uma descarga elétrica. O jovem estava na Aldeia Tekohaw, localizada em uma área indígena na região do Noroeste, quando foi atingido, por volta das 19 horas de sexta-feira (24). Ele usava um celular conectado à tomada no momento em que sofreu a descarga, segundo o Corpo de Bombeiros. 

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e o Corpo de Bombeiros foram acionados e tentaram fazer a reanimação no garoto por 40 minutos, ainda na aldeia. De acordo com a Polícia Civil, a mãe do adolescente confirmou que o filho foi atingido pela descarga elétrica de um raio no local. No momento, chovia bastante na região.  

Informações repassadas pelos indígenas aos bombeiros dão conta de que a vítima "teria sofrido uma descarga elétrica enquanto usava aparelho de celular conectado à tomada de energia". A 2ª Delegacia de Polícia (Asa Norte) investiga o caso.

Últimas