Brasília Covid: 80% dos mortos no DF não tomaram todas as doses da vacina

Covid: 80% dos mortos no DF não tomaram todas as doses da vacina

Foram 66 óbitos até dia 1º, com 52 pessoas que não tinham tomado todas as doses e sete sem informações sobre imunização

  • Brasília | Alan Rios, do R7, em Brasília

Cemitério no Distrito Federal

Cemitério no Distrito Federal

Divulgação/Agencia Brasília

Dados dos óbitos em decorrência da Covid-19 no Distrito Federal mostram que quase 80% das pessoas que morreram em 2022 na capital não tomaram todas as doses da vacina contra a doença. Números obtidos via Sistema Eletrônico do Serviço de Informação mostram que o DF registrou 66 mortes até 1º de fevereiro, sendo que 52 pessoas não estavam com o esquema vacinal completo.

O levantamento mostra ainda que não havia informações sobre a imunização de outras sete mortes e que apenas sete tinham tomado todas as doses contra a doença. Os dados são do  Painel Covid-19, Sistema e-SUS Vacinação, e especificaram as idades e comorbidades dos vacinados. Os dados são parciais e estão sujeitos a alterações, como o detalhamento da imunização dos sete que não tinham registros informados.

Desde o início de fevereiro, os boletins epidemiológicos da Secretaria de Saúde começaram a trazer a informação sobre o esquema vacinal dos óbitos notificados e registrados. Entre as 12 mortes notificadas no dia 1º, por exemplo, nenhum dos pacientes tinha tomado a dose de reforço da vacina.

No fim de janeiro, o R7 também mostrou que 90% dos ocupantes de leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) do DF não se vacinaram contra a Covid-19 ou não completaram o ciclo vacinal. Apenas 72,82% da população geral da capital tomou todas as doses da vacina contra a Covid-19.

Na manhã desta sexta-feira (4), todas as vagas disponíveis na rede pública do DF ficaram ocupadas, levando a taxa de ocupação a 100%. O DF registra atualmente 625.031 casos confirmados de Covid-19 e 11.208 óbitos.

Últimas