Brasília Deputado vai à PGR contra ministro das Comunicações por tráfico de influência

Deputado vai à PGR contra ministro das Comunicações por tráfico de influência

O político teria atuado junto à Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf)

  • Brasília | Gabriela Coelho, Do R7, em Brasília

Juscelino Filho teria atuado junto à Codevasf para favorecer empreiteira

Juscelino Filho teria atuado junto à Codevasf para favorecer empreiteira

Pablo Valadares/Câmara dos Deputados - 23.02.2021

O deputado federal Ubiratan Sanderson (PL-RS) apresentou à Procuradoria-Geral da República uma representação contra o ministro das Comunicações, Juscelino Filho, por suposto tráfico de influência que envolve empreiteira investigada por fraudes em licitações.

Segundo o parlamentar, o ministro teria atuado junto à Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) para favorecer empreiteira ligada a políticos e apontada como integrante de um cartel com envolvimento em desvios de recursos da Codevasf. 

O parlamentar alegou ainda que o ministro teria ido pessoalmente à Superintendência da Codevasf no Maranhão para defender que fosse mantida a contratação da empresa para a execução da um contrato de R$ 54 milhões em obras. Desse valor, R$ 30 milhões teriam origem em emendas federais enviadas ao estado do Maranhão pelo próprio ministro. 

O deputado lembrou ainda que há uma suposto direcionamento de R$ 5 milhões do orçamento da União para asfaltar uma estrada de terra que passa em frente à fazenda do ministro, localizada no Maranhão. 

"Tais fatos, em conjunto, se amoldam, em tese, ao crime de tráfico de influência preceituado no Código Penal, segundo o qual caracteriza tráfico de influência o fato de o agente “solicitar, exigir, cobrar ou obter, para si ou para outrem, vantagem ou promessa de vantagem, a pretexto de influir em ato praticado por funcionário público no exercício da função", afirmou. 

O R7 entrou em contato com a assessoria do ministro e aguarda manifestação. 

Últimas