Brasília Governador do DF vai contratar agentes de combate a dengue e comprar mais testes rápidos

Governador do DF vai contratar agentes de combate a dengue e comprar mais testes rápidos

Ibaneis afirmou que vai encaminhar projeto de lei para liberar orçamento e fortalecer ações contra o mosquito

  • Brasília | Edis Henrique Peres, do R7, em Brasília

Ibaneis quer contratar mais agentes contra dengue

Ibaneis quer contratar mais agentes contra dengue

Paulo H. Carvalho/Agência Brasília 30.01.2024

O governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha, disse que vai contratar mais agentes para o combate à dengue e liberar orçamento para a compra de mais testes rápidos da doença. A declaração foi dada nesta terça-feira (30) durante inauguração de campo sintético e assinatura de ordem de serviço para novo sistema de drenagem pluvial em Ceilândia.

“Enviamos projeto de lei para a Câmara [Legislativa do DF], devido à redução orçamentária no ano passado, para poder chamar agentes de combate à dengue. A situação do DF está classificada como epidemia, mas temos a ampliação do atendimento nas unidades básicas de saúde, nas tendas distribuídas nas regiões administrativas e vamos liberar recursos para a compra de mais testes rápidos”, disse.

Ibaneis acrescentou que o quadro alarmante atinge todo o país, não apenas o DF. “Temos grandes focos de dengue, e, com a sazonalidade e as chuvas, os números aumentaram”, afirmou.

O Ministério da Saúde divulgou nesta terça, em reunião de emergência com a Secretaria de Saúde do DF e pastas dee cidades do Entorno, que a capital do país tem 29 mil casos prováveis da doença, sendo 741 considerados casos graves ou com sinais de alarme.

Em todo o país, são 217,8 mil casos e 15 mortes causadas pela dengue, com mais 149 em investigação.

Infraestrutura

O governador do DF assinou nesta manhã uma ordem de serviço para o lançamento de um novo sistema de limpeza e desobstrução de rede e drenagem pluvial. A medida é necessária para o combate ao mosquito Aedes aegypti, diz Ibaneis.

“Teremos a automação de toda a rede, mais tranquilidade e também um melhor combate a dengue. Esses bueiros, como estavam, eram fontes de criação de mosquito. E o sistema é muito importante. Temos em Brasília mais de 100 mil bueiros que tinham em um processo de desobstrução manual”, contou.

Ibaneis citou as obras realizadas na Asa Norte, o chamado Drenar-DF, que já teve o investimento de R$ 174 milhões. “Estamos com esse grande trabalho e a expectativa de concluir a obra no segundo semestre deste ano. A região enfrentava muitos problemas, garagens e tesourinhas alagadas, e por isso esse trabalho é tão importante."

Últimas