Brasília Kassab confirma Pacheco candidato do PSD à Presidência em 2022

Kassab confirma Pacheco candidato do PSD à Presidência em 2022

Presidente do partido elogia ‘organização, disciplina e inteligência’ de Pacheco e diz que ele tem boas condições de ser eleito

  • Brasília | Augusto Fernandes, do R7, em Brasília

Convenção do PSD no RJ confirma Pacheco como candidato do partido à Presidência em 2022

Convenção do PSD no RJ confirma Pacheco como candidato do partido à Presidência em 2022

Reprodução/PSD

O presidente nacional do PSD, Gilberto Kassab, confirmou que o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (MG), será o nome do partido na eleição à Presidência da República de 2022. O anúncio foi feito durante uma convenção regional do diretório da legenda no Rio de Janeiro, neste sábado (23).

“Rodrigo Pacheco, o PSD e seus novos companheiros estão prontos para abraçar o seu projeto, para abraçar as suas propostas, para caminhar ao seu lado, não apenas para ser candidato, mas para que você seja um grande presidente da República”, ressaltou Kassab.

“Você tem todas as condições de vencer as eleições. Que você possa orgulhar todos os mineiros e todos brasileiros pela extraordinária gestão que vai fazer como presidente da República”, acrescentou o presidente do PSD, confiante na candidatura e na eleição do atual presidente do Congresso.

Durante o seu discurso, Kassab também ressaltou a trajetória política de Pacheco. Segundo ele, o senador “é um ser humano generoso, qualificado, preparado e que, nos últimos anos, mostrou que tem talento para a vida pública”. 

“Ao longo da sua vida, mostrou organização, disciplina e inteligência. Um bom profissional, bem respeitado por todos. Inquestionavelmente, não há ninguém no país que questione seu talento para a vida pública”, frisou.

“Confio muito no seu espírito público. Tenho certeza absoluta que, após refletir com sua família, amigos e companheiros, ele não vai se negar a cumprir essa missão [de disputar a Presidência], ao lado de diversos companheiros que vão estar com ele no palanque, que vão majoritariamente defender bons projetos para o Brasil”, completou Kassab.

Na sexta-feira (22), Pacheco anunciou a saída do DEM para se filiar ao PSD. A cerimônia que vai oficializar o ingresso do presidente do Senado no partido de Kassab acontecerá na próxima quarta-feira (27), em Brasília. 

Últimas