Brasília Mais um posto policial pega fogo no Distrito Federal

Mais um posto policial pega fogo no Distrito Federal

Desta vez foi em Sobradinho. Segundo a polícia, esse é o quinto caso no DF este ano

  • Brasília | Do R7

Ao todo, em 2014, foram cinco postos incendiados no DF, entre as cidades de Guará, Itapoã e Planaltina

Ao todo, em 2014, foram cinco postos incendiados no DF, entre as cidades de Guará, Itapoã e Planaltina

TV Record/Divulgação

Mais um posto policial da PMDF (Polícia Militar do DF) pegou fogo na noite dessa terça-feira (29) no Distrito Federal. Desta vez foi em Sobradinho II (DF). Era por volta das 4h da manhã quando o CBMDF (Corpo de Bombeiros Militar do DF) foi acionado para apagar as chamas. Este é o quinto posto policial queimado no DF este ano - também foram incediados postos nas cidades do Guará, Itapoã, Planaltina.  

Segundo a PMDF, ainda é cedo para afirmar se o incêndio foi criminoso ou ocorreu por problemas elétricos. Segundo o comandante Ferrary, somente após a perícia da PCDF (Polícia Civil do DF) e do CBMDF poderá saber ao certo o motivo do incêndio. Um dos locais que parece foco do incêndio é onde fica um microondas.   

— Qualquer informação de que foi um ato de vandalismo seria preciptado, frisou o comandante Anderson Ferrari da PMDF.   

Leia mais notícias no R7 DF

O comandante questiona ainda a eficácia dos postos policiais no combate à criminalidade.  

— Hoje, a Polícia Militar não tem como fazer [ronda efetiva] para que que haja um efeito de segurança pública no que tange à doutrina inicial dos postos. Seria construir uma casa do teto para o chão, ressaltou Ferrrary.  

O conselheiro de Segurança Estevam Reis concorda que os policiais têm que ficar nas ruas.   

— O que resolve mesmo é o polícia fazendo ronda nas cidades, principalmente onde há um ponto forte de trafico de drogas na região. 

Assista ao vídeo: 

Últimas