Brasília Motorista embriagado capota Fusca na ponte JK, em Brasília

Motorista embriagado capota Fusca na ponte JK, em Brasília

Teste do bafômetro indicou que concentração de álcool era o dobro do limite considerado crime; ele ainda se feriu no rosto

  • Brasília | Jéssica Moura, do R7, em Brasília

Fusca capota na ponte JK

Fusca capota na ponte JK

Divulgação/CBMDF

Um motorista embriagado capotou o Fusca que dirigia na noite desta terça-feira (21) na ponte JK, em Brasília. O acidente ocorreu por volta das 19h30, quando o homem perdeu o controle da direção no sentido Lago Sul.

Os agentes do Detran foram acionados. Ao realizarem o teste do bafômetro, constataram que a concentração de álcool era o dobro do mínimo considerado crime pela legislação. O aparelho acusou 0,71 miligrama de álcool por litro de ar expelido.

O CTB (Código de Trânsito Brasileiro) define como crime uma concentração igual ou superior a 0,3 miligrama de álcool por litro de ar alveolar. Os condenados por embriaguez ao volante estão sujeitos a penas de seis meses a três anos de prisão, multa e suspensão do direito de dirigir.

Como sofreu escoriações no rosto, o condutor foi levado ao Hospital de Base. Ele estava confuso, mas estável, segundo o Corpo de Bombeiros. Depois de receber alta médica, ele será encaminhado à 1ª Delegacia de Polícia (Asa Sul) para o registro do flagrante.

Duas faixas da pista tiveram de ser interditadas por quase uma hora. O carro foi removido por um guincho.

Últimas