Brasília PCDF prende falsificadores de cartões e documentos de imóveis

PCDF prende falsificadores de cartões e documentos de imóveis

Criminosos invadiam casas e falsificavam documentos das casas para vendê-las de novo. Também falsificavam cartões de créditos

  • Brasília | Do R7

Golpes e vendas ilegais eram praticadas pelo grupo desde 2020

Golpes e vendas ilegais eram praticadas pelo grupo desde 2020

CORF - Reprodução.

A Coordenação de Repressão aos Crimes Contra o Consumidor (CORF), da Polícia Civil do Distrito Federal, desarticulou um grupo de criminosos que aplicava golpes desde 2020. As prisões ocorreram na manhã desta quinta-feira (7) na Operação Segunda Via.

Os criminosos, através de dados bancários de moradores do Nordeste, solicitavam segunda via de cartões de crédito de diferentes bancos. As correspondências chegavam ao Distrito Federal e eram recolhidas por porteiros que participavam do esquema e recebiam R$ 50 por cada entrega de cartão à quadrilha.

Segundo o delegado Wisllei Salomão, coordenador da CORF, os integrantes do grupo também invadiam moradias, falsificavam documentos e revendiam os imóveis como se fossem deles, além de comercializarem pedras preciosas, armas e munições ilegalmente. Para a comercialização ilegal, laranjas eram utilizados para abertura de empresas falsas.

Últimas