Brasília PF deve instaurar inquérito nesta quinta para investigar falsa filiação de Lula ao PL

PF deve instaurar inquérito nesta quinta para investigar falsa filiação de Lula ao PL

TSE detectou que há claros indícios de falsidade ideológica; senha usada para alteração seria de advogada do Partido Liberal

  • Brasília | Gabriela Coelho, do R7, em Brasília

PF investiga falsa filiação de Lula ao PL

PF investiga falsa filiação de Lula ao PL

Ricardo Stuckert/PR - 9.01.2024

A Polícia Federal deve instaurar um inquérito ainda nesta quinta-feira (11) para investigar a falsa filiação do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) ao Partido Liberal (PL), partido de Jair Bolsonaro. O TSE já detectou que a senha utilizada, imediatamente cancelada, seria de uma advogada do PL. A informação foi confirmada com interlocutores da corporação. 

Na prática, a alteração de qualquer filiação partidária de um eleitor só pode ser feita pela própria sigla responsável pela filiação, mediante um representante da legenda que acesse o sistema Filia com senha pessoal.

Clique aqui e receba as notícias do R7 no seu Whatsapp
Compartilhe esta notícia pelo WhatsApp
Compartilhe esta notícia pelo Telegram
Assine a newsletter R7 em Ponto

O Blog Quarta Instância apurou que neste caso há claros indícios de falsidade ideológica, o que levou o tribunal a anular a alteração.

O sistema de filiação está funcionando normalmente, o que descarta um ataque ao sistema ou falha na programação. Interlocutores do TSE informaram que houve uso de credenciais válidas para o registro de uma nova filiação falsa.

As informações apontam que Lula estava ligado ao PL em São Bernardo do Campo, tendo sido desligado do PT desde 15 de julho do ano passado.

Últimas