Brasília PM prende mais três do grupo que usava 'carrapatos' em caixas eletrônicos para clonar cartões

PM prende mais três do grupo que usava 'carrapatos' em caixas eletrônicos para clonar cartões

Integrantes da organização foram detidos neste sábado (12), no DF; aparelhos coletavam informações bancárias das vítimas

  • Brasília | Emerson Fraga, do R7, em Brasília

Momento em que os três homens foram rendidos pela PM do DF

Momento em que os três homens foram rendidos pela PM do DF

PMDF/Divulgação

A Polícia Militar prendeu três integrantes de uma organização criminosa que clonava cartões bancários no Distrito Federal. Eles instalavam em caixas eletrônicos um dispositivo conhecido como "carrapato". Quando a vítima inseria o cartão e a senha, o aparelho capturava as informações para que, mais tarde, o cartão pudesse ser clonado.

Os três suspeitos foram detidos por volta das 11h40 no Lago Sul, região nobre do DF. Foram apreendidos com eles seis celulares, dinheiro, cartões de crédito e um talão de cheques. As prisões fazem parte da operação iniciada mais cedo, que já havia detido duas pessoas da mesma organização na Asa Sul, em Brasília. Elas estavam aplicando um golpe em que se passavam por funcionários do banco e trocavam os cartões, principalmente de pessoas idosas.

Foram apreendidos seis celulares, dinheiro, cartões e um talão de cheques

Foram apreendidos seis celulares, dinheiro, cartões e um talão de cheques

PMDF/Divulgação

"Só um idoso foi mais de R$ 30 mil que ele recebeu de golpe. E eles aplicaram em vários idosos isso aí. Eles vêm aplicando há vários dias, principalmente no Lago Norte, Lago Sul e Asa Sul. É uma quadrilha de São Paulo", informou o major Michello Bueno, da Polícia Militar do DF.

Os suspeitos foram levados para a 1ª Delegacia de Polícia Civil (Asa Sul) para registro da ocorrência. De acordo com informações da PM, apenas em uma semana, a quadrilha teria provocado um prejuízo de mais de R$ 80 mil.

Últimas