Brasília Posse do novo diretor-geral de Itaipu vai ocorrer nesta terça (22)

Posse do novo diretor-geral de Itaipu vai ocorrer nesta terça (22)

Almirante Anatalicio Risden Júnior assume o cargo. Jair Bolsonaro já falou sobre projeto de criação de tilápias no lago da usina

  • Brasília | Plínio Aguiar, do R7, em Brasília

Almirante Anatalicio Risden Júnior

Almirante Anatalicio Risden Júnior

Reprodução

O Palácio do Planalto prepara para esta terça-feira (22) a cerimônia de posse do novo diretor-geral da Itaipu Binacional, almirante Anatalicio Risden Júnior, no Palácio do Itamaraty, em Brasília.

Risden assume o cargo, antes ocupado pelo general João Francisco Ferreira, após responder pela diretoria financeira da empresa, administrada pelo Brasil e pelo Paraguai. O almirante será o 150º diretor-geral brasileiro de Itaipu.

O mandato dos diretores é sempre de quatro anos. O decreto de nomeação do almirante ao posto havia sido publicado pelo presidente Jair Bolsonaro (PL) em 27 de janeiro deste ano no DOU (Diário Oficial da União).

Na época, Risden informou que vai atuar, conforme orientações do governo federal, para que a empresa mantenha a excelência em gestão e produção de energia e contribua para as boas relações entre Brasil e Paraguai.

"Há quase 50 anos houve um grande alinhamento de ideias e ações que permitiram que a Itaipu Binacional pudesse existir, produto de uma ampla construção diplomática, técnica, financeira e jurídica", afirmou. "O diálogo e a boa convivência, que nortearam a construção dessa usina tão grandiosa e a tornaram exemplo para o mundo em diversos setores, vão continuar sendo os princípios basilares da minha gestão", completou.

Criação de tilápias

Bolsonaro já deu diversas declarações sobre o projeto de criação de tilápias no lago da Usina Hidrelétrica de Itaipu. O texto, no entanto, precisa de aprovação do Parlamento do país vizinho. O assunto foi abordado durante encontro entre o mandatário e Mario Abdo Benítez, presidente do Paraguai, em Brasília, no fim do ano passado.

"Demos mais um passo para a criação de tilápias no lago de Itaipu. Isso passa pelo Parlamento do Paraguai, e há uma enorme boa vontade por parte do governo local, aqui presente, porque é muito bom para os nossos países. Caso isso se concretize, o Brasil crescerá em 40% da sua quantidade de pescado", disse Bolsonaro na ocasião.

Últimas