Brasília Tebet diz que, se escolhida por terceira via, disputará Presidência mesmo sem Doria

Tebet diz que, se escolhida por terceira via, disputará Presidência mesmo sem Doria

PSDB, MDB e Cidadania acordaram definir um único nome, com base em uma pesquisa qualitativa, para lançar a candidatura

  • Brasília | Sarah Teófilo, do R7, em Brasília

Pré-candidata à Presidência pelo MDB, senadora Simone Tebet

Pré-candidata à Presidência pelo MDB, senadora Simone Tebet

Reprodução/Youtubbe

Pré-candidata à Presidência da República pelo MDB, a senadora Simone Tebet (MS) afirmou nesta segunda-feira (16) que, se for escolhida como candidata da terceira via, com base na pesquisa qualitativa de opinião a ser divulgada nesta semana, será candidata com ou sem o apoio do ex-governador de São Paulo João Doria (PSDB).

"Eu aceitei as regras de um jogo, e amanhã teremos uma quali [pesquisa qualitativa] sendo apresentada para ver qual dos dois nomes, se o meu ou o ex-governador João Doria, é o melhor nome dentro desta frente. Se ele não aceitar o resultado, caso mostre que meu nome é o melhor, e os partidos quiserem sair dessa frente democrática, o MDB segue firme e forte, como sempre fez diante de todos os momentos mais decisivos do Brasil", disse.

A fala ocorreu durante evento que integra ciclo de debates com pré-candidatos organizado pela Associação Comercial de São Paulo (ACSP), e após carta enviada por Doria ao presidente do PSDB no último sábado (14), em que ele chamou de "tentativa de golpe" a possibilidade de não ser definido nas convenções como candidato presidencial da sigla.

A carta ocorreu diante do acordo entre PSDB, MDB e Cidadania de realizarem uma pesquisa qualitativa para ver como Doria e a senadora estão posicionados no país. Sabe-se que a rejeição de Tebet é menor que a de Doria, e por isso houve movimento contrário de Doria e da ala do partido que o apoia. No documento, assinado também pelo advogado Arthur Rollo, Doria expõe que vai levar a decisão para a Justiça caso não seja confirmado como candidato do PSDB, como foi definido nas prévias.

A chamada "terceira via", ou frente ampla, seria composta hoje de MDB, PSDB e Cidadania, após o desembarque do União Brasil. Tebet ressaltou que o nome será decidido com a divulgação da pesquisa, que está marcada para ocorrer na próxima quarta-feira (18). De acordo com ela, o resultado será cumprido.

"Vale para mim e para o Doria. Se ele não aceitar os resultados da pesquisa e eu for a escolhida, eu sigo firme. Mas, se o resultado for o outro nome, obviamente que eu tenho que ceder e observar as regras", afirmou Tebet.

Últimas