Brasília Turista brasiliense morre afogado após tentar salvar irmão em praia de Pernambuco

Turista brasiliense morre afogado após tentar salvar irmão em praia de Pernambuco

40 salva-vidas localizaram o outro homem que estava desaparecido na tarde desta terça-feira, segundo prefeitura de Ipojuca

  • Brasília | Karla Beatryz*, do R7, em Brasília

Praia onde brasilienses estavam hospedados é sinalizada com placas de perigo

Praia onde brasilienses estavam hospedados é sinalizada com placas de perigo

Ana Luiza Machado/Secom

Dois turistas brasilienses se afogaram em uma praia localizada em Porto de Galinhas, em Pernambuco, na manhã desta terça-feira (6). Os dois eram irmãos, um deles morreu e o outro estava desaparecido, mas foi encontrado morto por volta das 15h28 após buscas da equipe de resgate. 

Segundo a prefeitura do município, Lindomar Ferreira dos Santos entrou no mar para socorrer o irmão, Leomar Ferreira dos Santos, que foi levado pela correnteza e foi localizado morto na tarde desta terça. 

O acidente ocorreu por volta de 7h na praia de Merepe. De acordo com a prefeitura, a praia é liberada para banho, mas tem sinalização de perigo devido valas na areia.

Lindomar Ferreira tinha 39 anos. Ele tentou socorrer o irmão e acabou se afogando, sendo resgatado pelos salva-vidas. A vítima chegou a ser encaminhada com vida para o Posto de Saúde de Porto de Galinhas, mas não resistiu. 

A prefeitura de Ipojuca disse ao R7 que 40 salva-vidas realizaram as buscas na região. Equipes do Corpo de Bombeiros também foram acionadas, mas só permaneceram no local até às 10h. "O município não tem Corpo de Bombeiros. Eles chegaram na região para auxiliar nas buscas por meio de helicóptero, mas precisaram ir embora para abastecer", explicou. 

Por meio de nota, a prefeitura informou que o corpo de Leomar foi encontrado na Praia do Cupe às 15h28. Eles se solidarizam com a família das vítimas e reforçou que os turistas precisam respeitar a sinalização e orientação dos salva-vidas.

*Estagiária sob supervisão de Fausto Carneiro.

Últimas