Diário Digital Jovem flagrada em cela VIP de narcotraficante pode ter sido pivô de chacina

Jovem flagrada em cela VIP de narcotraficante pode ter sido pivô de chacina

A jovem Mirna Keldryn Romero Lesme, 22 anos, está sendo apontada como pivô da chacina que deixou quatro mortos em Pedro Juan, no Paraguai, no sábado passado, 9 de Outubro. Ela foi flagrada nesta quinta-feira, 14 de Outubro, na cela do narcotraficante Faustino Román Aguayo Cabañas, na Penitenciária Regional de Pedro Juan. Conforme o site […] O post Jovem flagrada em cela VIP de narcotraficante pode ter sido pivô de chacina apareceu primeiro em Diário Digital.

A jovem Mirna Keldryn Romero Lesme, 22 anos, está sendo apontada como pivô da chacina que deixou quatro mortos em Pedro Juan, no Paraguai, no sábado passado, 9 de Outubro.

Ela foi flagrada nesta quinta-feira, 14 de Outubro, na cela do narcotraficante Faustino Román Aguayo Cabañas, na Penitenciária Regional de Pedro Juan.

Conforme o site de notícias Ponta Porã News, Mirna era casada com o ex-agente da Secretaria Nacional Antidrogas (Senad), Carlos Gustavo Rodriguez, que foi assassinado a tiros em dezembro de 2020.

Ela também teria sido namorada Osmar Vicente Álvarez Grance, 29, o “Bebeto”, morto na chacina de sábado passado.

A motivação passional tornou-se uma das principais linhas de investigação após a descoberta dos relacionamentos de Mirna.

A jovem foi localizada na cela do narcotraficante durante buscas na Penitenciária Regional de Pedro Juan Caballero.

Policiais paraguaios a encontraram dormindo com Faustino em sua “cela de luxo” equipada com TV, cama box e ar condicionado.

Chacina - Além de Osmar, morreram na chacina as estudantes de medicina Haylee Carolina Acevedo Yunis, 21, (filha do governador de Amambay Ronald Acevedo), a mato-grossense Rhamye Jamilly Borges de Oliveira, 18, e a douradense Kaline Reinoso de Oliveira, 22.

(Com informações do site Ponta Porã News)

O post Jovem flagrada em cela VIP de narcotraficante pode ter sido pivô de chacina apareceu primeiro em Diário Digital.

Últimas