Diário Digital Prefeitura convoca quase 130 aprovados e reforça quadros da saúde e segurança

Prefeitura convoca quase 130 aprovados e reforça quadros da saúde e segurança

Todos foram aprovados no certame de 2019, onde havia mais de 660 vagas disponíveis

Diário Digital

Diário Digital

Diário Digital

Na primeira edição do Diário Oficial de Campo Grande (Diogrande) deste ano, a Prefeitura Municipal já trouxe uma ótima notícia a toda a população e a quase 130 aprovados em concursos da área da saúde e segurança pública do município. A convocação de 129 novos profissionais irá reforçar o quadro de servidores destas duas áreas, que são de altíssima importância aos moradores da cidade.

Somente na saúde foram 99 convocações em diferentes áreas de atuação, como médicos especialistas, enfermeiros e técnicos de enfermagem, farmacêuticos, fonoaudiólogos, entre outros profissionais. Todos foram aprovados no certame de 2019, onde havia mais de 660 vagas disponíveis.

Já na segurança, foram chamados 30 aprovados, que deverão assumir os cargos, e passar por treinamento para ampliar o número de Guardas Civis Metropolitanos Municipais à serviço da população campo-grandense. Estes realizaram o concurso de 2020, também destinado exclusivamente para a área.

Dentre os profissionais da saúde, foram convocados um cirurgião plástico, um gastroenterologista adulto, dois ortopedistas adultos e um médico especializado em ultrassonografia. Também foram chamados 38 profissionais que farão o serviço administrativo nas unidades, técnicos de radiologia, de laboratório de saúde bucal, além de 11 auxiliares de saúde bucal.

Todos os profissionais convocados, tanto para a área da saúde quanto para a segurança, devem comparecer no Plenário do Paço Municipal, sito na Rua Arthur Jorge, 500 (antiga Central do IPTU), a partir das 8h de amanhã (03), havendo um prazo de até cinco dias úteis para manifestar o interesse em assumir a vaga.

Aquele candidato que não comparecer dentro do período previsto em edital, será considerado desclassificado e perderá o direito à vaga.

Últimas