Folha Vitória Mega Vendedor: confira o episódio de estreia do primeiro reality automotivo do ES

Mega Vendedor: confira o episódio de estreia do primeiro reality automotivo do ES

Dois competidores não se deram bem nas primeiras provas e precisam do apoio do público para ter chances de continuar na disputa

Folha Vitória

Motores aquecidos e prontos para cruzar a linha de chegada! Neste sábado (24), começou o primeiro reality show automotivo do Espírito Santo: o Mega Vendedor. 

No episódio de estreia, os oito competidores foram divididos em duas equipes e receberam uma missão:  gravar um vídeo de um minuto e produzir uma foto para apresentar um dos veículos esportivos da loja Multicar Megastore.

Por meio de um sorteio, ficou definido que a equipe A seria formada por Hysabella Nunes, Joel Cavalcanti, Higor Fraga e Angelo Moraes. Já a equipe B foi formada por Bruna Bragatto, Victor Emanuel, Matheus Pivetta e David Dib Costa.

Cada participante começou a competição com 100 litros de combustível. As equipes tiveram cinco minutos para criar uma estratégia para fazer a foto e o vídeo; e mais 15 minutos para produzir o material para venda.   

Os competidores precisaram provar para os jurados André Portugal, Sérgio Lage e Douglas Camargo que são bons vendedores. Na primeira prova, a equipe B levou a melhor. 

O desafio, no entanto, não parou por aí. Cada integrante da equipe vencedora recebeu duas fichas verdes, que equivalem a um acréscimo de cinco litros de combustível e uma ficha amarela.. 

Já a equipe derrotada recebeu duas fichas vermelhas, que valem menos cinco litros. Os competidores precisaram escolher para quem dar as fichas, sendo proibido dar para si mesmo. 

Veja como ficou o placar 

Foto: Reprodução TV Vitória
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

Na terceira fase, a equipe derrotada competiu entre si. Cada competidor escolheu um carro e teve dois minutos para estudar o veículo e vendê-los aos jurados. 

Quem tivesse o melhor desempenho recuperava os litros perdidos. Já os dois competidores com o pior desempenho vão disputar o voto popular. Angelo se deu bem e conseguiu recuperar os pontos perdidos na segunda fase.

Em segundo lugar, ficou Higor. Já Hysabella Nunes e Joel Cavalcanti seguem para voto do público. 

Para votar e ajudar os competidores, clique aqui!

Quer saber quem vai se sair melhor e conseguir conquistar o apoio do público, não perca o segundo episódio do "Mega Vendedor", no próximo sábado (31), às 14h, na TV Vitória/Record TV.

Conheça os participantes da primeira temporada

Foto: Divulgação
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

Angelo Moraes - Empresário, 34 anos

Disposto a usar todas as ferramentas que aprendeu ao longo da sua vida, o empresário Angelo Moraes, de 34 anos, quer vencer esse desafio e se tornar o ganhador. "Vi na televisão a propaganda, e vi ali um grande desafio", contou.

Para ser um "mega vendedor", segundo Angelo, tem que se ter um padrão. "Eu acredito que para a gente vender carros superesportivos, o público é de alto padrão. Não tem como combinar a venda de carros superesportivos com vendedor meia boca".

A palavra entusiasmo define o Moraes. O empresário mandou um recado para os concorrentes. "Eu desejo que vocês tenham se preparado muito para competir comigo".

Foto: Divulgação
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

Bruna Bragatto - Farmacêutica, 38 anos

Nascida em Colatina, a farmacêutica Bruna viu no reality a chance de mudar de profissão. "Além de amar carro desde muito nova, vi a oportunidade de mudar de vida e ter uma nova profissão".

Além do objetivo de ganhar, ela busca ter uma visibilidade no mundo das vendas e abraçar as oportunidades que o programa pode oferecer.

Para ela um, "mega vendedor" precisa ser acolhedor com seu cliente. "Tratar como um mega comprador. Ter conhecimento do produto, inteligência emocional, saber acolher e receber o cliente".

Foto: Divulgação
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

David Dib Costa - Consultor automotivo, 33 anos

Paulistano, David Dib Costa, morador da Enseada do Suá, em Vitória, está no Espírito Santo há apenas cinco meses. Ele trabalha como consultor automotivo e é apaixonado pelo mercado de automóveis.

Para Dib, a oportunidade do reality foi feita a sua medida. "A vaga é meu perfil, vivo neste mundo, sou louco e apaixonado por carro. Meu objetivo é realizar um sonho e vender sonhos".

Para o participante, um "mega vendedor" precisa conhecer o que está oferecendo. "É necessário conhecer o que vai fazer, o que vai vender e o mais importante: conhecer o seu cliente, saber avaliá-lo e, sobretudo, ter um atendimento alto padrão".

Foto: Divulgação
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

Higor Fraga - Empresário, 35 anos

Nascido no Estado do Rio de Janeiro, Higor Fraga mora no Espírito Santo desde os 2 anos de idade. Morador do bairro Gaivotas, em Vila Velha, o carioca é empresário e formado em música.

Apaixonado por vendas, o participante se inscreveu por incentivo de seus familiares. "Estava na casa da minha mãe e passou a propaganda, então minha mãe e minha irmã falaram que o reality era meu perfil e que eu deveria me inscrever", contou Higor.

O objetivo dele é mostrar seu trabalho, ganhar uma visão sobre o mercado e se tornar o vencedor. "Para se tornar um "mega vendedor", é necessário transformar as dificuldades em oportunidades".

Foto: Divulgação
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

Hysabella Nunes - Educadora Física, 34 anos

Capixaba, moradora de Cidade Continental, na Serra, Hysabella Nunes Silva Freitas é formada em educação física, mãe de dois filhos e quer se aventurar em uma nova profissão.

A participante vê no reality a oportunidade de conseguir um novo emprego, já que está desempregada. Além disso, buscar aprender mais sobre o mundo dos carros.

"A minha primeira intenção foi a questão de oportunidade. Sempre gostei de carro e vou aproveitar a oportunidade para adquirir conhecimento, conhecer outras pessoas, ser vista", contou.

Para Hysabella, uma "mega vendedora" precisa ser determinada. "É necessário vários fatores, mas um deles é ser determinado, ser resiliente, não desistir fácil, ter foco no objetivo no que almejo e, além de tudo, ter fé".

Foto: Divulgação
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

Joel Cavalcanti - Funcionário Público, 35 anos

Morador do bairro Aribiri, em Vila Velha, Joel Tavares Cavalcanti é funcionário público, apaixonado por carros e quer ser conhecido como o "cowboy das vendas".

"Decidi participar, pois sou apaixonado por carros e também por conta do meu desejo de mudar de profissão. Quero ter uma mudança na minha vida".

Para ser um "mega vendedor", segundo ele, são necessários muitos fatores, mas quatro são os principais: "Dedicação, persistência, resiliência e muita criatividade"'.

Foto: Divulgação
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

Matheus Pivetta - Vendedor, 27 anos

Matheus Pivetta, de 27 anos, é vendedor e saiu de São Paulo para disputar a vaga de "mega vendedor" na sua cidade natal. Apaixonado por carros e vendas, ele está preparado para os desafios do reality.

"O meu diferencial é que eu sou persistente, não desisto por nada e eu amo o que faço, amo de paixão. Sou preparadíssimo para essa vaga, por conseguir unir tudo isso e entregar meu máximo possível", afirma.

No reality, Pivetta viu a oportunidade para uma mudança de vida e voltar para o Espírito Santo e ficar perto de sua família. O jovem cheio de entusiasmo mandou seu recado: "Se preparem, eu vim para ganhar!".

Foto: Divulgação
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

Victor Emanuel Campos Sabino - Funcionário Público, 27 anos

De Cachoeiro de Itapemirim, Victor Emanuel Campos Sabino, de 27 anos, é funcionário público, está pronto para levar a melhor e se tornar o vencedor desse reality.

"Gosto da área de vendas, sempre estudei muitas pessoas, isso me faz gostar desse contato nas vendas. Espero aprender muito com os participantes e com o programa e ganhar experiência", contou Victor.

De acordo com o participante, para ser um "mega vendedor" é preciso ter uma boa análise de público. "É necessário ter um bom atendimento e conhecer muito bem o público que você vai atender, saber analisar cada pessoa para saber". 

Últimas