Cidades Polícia Militar vai reforçar segurança com mais de 1,5 mil policiais

Polícia Militar vai reforçar segurança com mais de 1,5 mil policiais

O plano de segurança para o réveillon vai contar com o reforço

Portal Correio

O plano de segurança para o réveillon vai contar com o reforço de mais de 1,5 mil policiais militares, drones para monitoramento, vans com câmeras e a participação de várias modalidades de policiamento na Paraíba. A atuação da PM na virada do ano foi definida durante reunião, nesta segunda-feira (28), entre o comandante-geral da corporação e os comandantes de todas as regiões paraibanas.

Leia também: Mais de 100 motos são notificadas por ‘rolezinhos’

Conforme o comandante-geral da PM, coronel Euller Chaves, vai ser mantida a estrutura semelhante a que foi montada no ano passado, mesmo não tendo agora as tradicionais festas públicas da virada do ano. “São mais de 1,5 mil policiais de reforço, além do policiamento ordinário. A decisão de manter a mesma estrutura logística e humana é para garantirmos a mobilidade do policiamento, caso haja necessidade de atuação, já que temos este ano a missão dupla de não só garantir a segurança das pessoas, mas também de buscar a preservação da saúde delas, a partir do combate às aglomerações que as coloquem em risco”, destacou.

Grande parte do reforço estará atuando na Região Metropolitana de João Pessoa (RMJP), com mais de 300 policiais em comboios e a pé realizando ações preventivas no trânsito e em locais apontados pela Coordenadoria de Inteligência (COInt) da PM como possíveis pontos de aglomeração. A orientação e fiscalização do decreto Nº 40.930/2020, que disciplina o funcionamento de estabelecimentos comerciais, também fará parte do plano.

Combate às aglomerações

Para combater as festas clandestinas e eventos com aglomerações de pessoas, a PM vem realizando levantamentos e pede para que a população também denuncie essas práticas, através do 190. Drones serão usados para verificar a existência de possíveis locais onde esses eventos estejam sendo planejados, para que as tropas especializadas, a exemplo do Batalhão de Operações Especiais (Bope), possam intervir.

Blitzen em locais estratégicos

A atuação no trânsito será intensificada, com blitzen em locais estratégicos e itinerantes para fiscalizar e coibir infrações e crimes de trânsito, bem como para desarticular grupos que promovam perturbação do sossego e direção perigosas a bordo de motos.

Últimas