Economia Registros no Pix já superam 10 milhões, diz Banco Central

Registros no Pix já superam 10 milhões, diz Banco Central

Sistema instantâneo de pagamentos que recebe cadastros há menos de 48 horas começará a funcionar em 16 de novembro

Reuters
Pix já soma 10.148.629 de cadastros finalizados

Pix já soma 10.148.629 de cadastros finalizados

Willian Moreira/Futura Press/Estadão Conteúdo

O Pix, sistema instantâneo de pagamentos no Brasil, superou 10 milhões de chaves registradas, afirmou o BC (Banco Central) nesta terça-feira (6). O sistema começará a funcionar em 16 de novembro.

Segundo postagem do BC, já foram 10.148.629 registros no sistema que passou a receber cadastros na segunda-feira (5).

Leia mais: Levar Pix para fora do Brasil é plano para após 2022, diz BC

Um dos principais projetos do BC para incentivar maior competição entre as instituições financeiras, o Pix permite que pessoas façam transferências bancárias 24 horas por dia nos 365 dias do ano.

O cadastro de chaves no PIX requer informações como número de telefone celular, CPF, CNPJ ou e-mail. O início operacional pleno do PIX está previsto para 16 de novembro.

Últimas