Economia Só uma em cada quatro pessoas com deficiência tem trabalho

Só uma em cada quatro pessoas com deficiência tem trabalho

Dado foi divulgado pelo IBGE e diz respeito a 2019. Pessoas com deficiência visual são as mais presentes do grupo no mercado

  • Economia | Do R7

Pessoas com deficiência têm menor presença no mercado de trabalho

Pessoas com deficiência têm menor presença no mercado de trabalho

Divulgação/Pixabay

Apenas uma em cada quatro pessoas com deficiência tinha ocupação profissional em 2019, segundo a Pesquisa Nacional de Saúde 2019 - Ciclos de Vida, divulgada pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) nesta quinta-feira (26). 

E estimativa é que 25,4% das pessoas com mais de 14 anos, ou seja, em idade apta ao trabalho, tinha ocupação (formal ou informal) em 2019. Já entre as pessoas sem deficiência, esse índice subia para 60,4%.

Quando indagadas a respeito dos motivos para não terem tomado providência para conseguir trabalho, 48,9% das pessoas com deficiência apontaram problemas de saúde, 28,8% disseram não desejar trabalhar e 10,5% afirmaram não conseguir trabalho por ser considerado muito jovem ou muito idoso, segundo o IBGE.

Também entre a população com deficiência, há diferenças no nível de ocupação dependendo do tipo de deficiência apresentada. As pessoas com deficiência visual (32,6%) e auditiva (25,4%) estão mais presentes no mercado de trabalho do que as que tinham deficiência física nos membros superiores (16,3%) ou nos membros inferiores (15,3%).

As pessoas com deficiência mental tiveram o pior índice neste quesito: apenas 4,7% delas estavam ocupadas em 2019.

Idosos

Dos 17,3 milhões de pessoas com deficiência no país em 2019, quase metade (49,4%) era idosa, ou seja, tinham 60 anos ou mais de idade. Considerando a população total por grupos etários, um a cada quatro idosos (24,8%) tinha algum tipo de deficiência.

A deficiência visual teve o maior percentual nessa faixa de idade: 9,2% dos idosos declararam ter muita dificuldade ou não conseguiam de modo algum enxergar. 

Últimas