Educação Inep pede à PF mais segurança para evitar fraudes em Enem 2018

Inep pede à PF mais segurança para evitar fraudes em Enem 2018

Em 1h30, cerca de 200 mil estudantes se inscreveram para fazer o exame. Todos os locais de prova terão detector de metais 

Taxa de inscrição é de R$ 82, mesmo valor de 2017

Taxa de inscrição é de R$ 82, mesmo valor de 2017

Agência Brasil

O Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira) pediu à divisão de inteligência da Polícia Federal que designe técnicos para melhorar a segurança e evitar fraudes no dia do exame. O órgão quer também uma melhora no sistema de ponto eletrônico dos estudantes que realizarão o exame. 

"Qualquer indício é sempre encaminhado à Polícia Federal. Todos os casos são encaminhados à autoridade policial", afirmou Rossieli Soares da Silva, ministro da Educação. "A polícia já pegou alguns casos de fraude e tem atuado em todas provas do Enem antes e depois da aplicação do exame", disse em coletiva de imprensa na manhã desta segunda-feira (7).

Segundo o Inep, os principais procedimentos de segurança serão mantidos. Serão instalados cerca de 70 mil detectores de metais em todos os locais para realização da prova. Os equipamentos serão instalados também nas portas dos banheiros. 

As inscrições para as provas do Enem 2018 (Exame Nacional do Ensino Médio) começaram às 10h desta segunda-feira e na primeira uma hora e 30 minutos 200 mil candidatos já realizaram as inscrições. 

O prazo de inscrição vai até as 23h59 do dia 18 de maio, de acordo com o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). A previsão do MEC e do Inep é que ao final do período estipulado existam 7,5 milhões de inscrições.

A taxa de inscrição é de R$ 82, mesmo valor de 2017, e precisa ser paga até 23 de maio de 2018, respeitados os horários de compensação bancária, sob pena de a inscrição não ser confirmada.

Uma novidade da prova nesse ano é o atendimento especializado. Pessoas com deficiência ou mulheres que amamentam deverão informar a condição no dia da prova. Os estudantes também precisam informar qual idioma será cobrado na prova de língua estrangeira: inglês ou espanhol.

Provas do Enem 2018

Em 2018, os candidatos terão 5h para fazer a prova do segundo dia — 30 minutos a mais em relação ao mesmo exame de 2017. No primeiro dia, porém, o prazo permanece o mesmo: 5h30.

Assim como em 2017, neste ano as provas serão realizadas em dois domingos seguidos: nos dias 4 e 11 de novembro.

A estrutura da prova também não mudou: no primeiro dia, serão aplicadas as provas de Redação, Linguagens e Ciências Humanas. No segundo dia, serão aplicadas as provas de ciências da natureza e matemática.

O exame conta com quatro provas objetivas, sendo que cada uma delas contará com 45 questões de múltipla escolha. Saiba mais na página do estudante.

    Access log