Educação Psicólogo fala sobre motivação e mudanças trazidas pela pandemia

Psicólogo fala sobre motivação e mudanças trazidas pela pandemia

Instituto Ayrton Senna promove seminário online e gratuito nesta terça (15) com a presença de personalidades estrangeiras

Evento cria uma ponte entre universo acadêmico e o dia a dia da sala de aula

Evento cria uma ponte entre universo acadêmico e o dia a dia da sala de aula

Pixabay

O Instituto Ayrton Senna promove nesta terça-feira (15) o Seminário Internacional Motivação: evidências para promover a aprendizagem com a participação de pesquisadores brasileiros e estrangeiros. A abertura terá a participação especial do Príncipe Albert II de Mônaco.

Também participam do evento online e gratuito personalidades como a modelo Gisele Bündchen e o muralista Eduardo Kobra, que falam sobre experiências pessoais. Jane Goodall, conservacionista e fundadora do Instituto Jane Goodall, famosa por seu trabalho com chimpanzés, e  William Kamkwamba o menino que inspirou o filme O menino que descobriu o vento.

Com muitas escolas fechadas no Brasil nestes tempos de pandemia, muito se discute sobre motivação dos estudantes, abandono e evasão escolar. A motivação está diretamente ligada ao processo de aprendizagem, é a força que leva um aluno a direcionar suas atitudes para atingir os seus objetivos, além de desenvolver as áreas cognitivas e socioemocional.

A proposta do seminário é estabelecer uma ponte entre o que se discute no meio acadêmico sobre o tema e a prática na sala de aula. "O seminário pretende fazer essa travessia entre a ciência e o dia a dia para que os profesores possam planejar ações, engajar os estudantes e atingir seus objetivos", explica Gisele Alves, gerente executiva do eduLab21 - Instituto Ayrton Senna.

Kevin McGrew participa de Seminário internacional

Kevin McGrew participa de Seminário internacional

Divulgação

Para o PhD em psicologia educacional e diretor do Instituto para Psicometria Aplicada, Kevin McGrew, um dos palestrantes convidados, a pandemia teve um impacto negativo, mas também trouxe novos desafios. Em entrevista ao portal R7, McGrew destaca que "a pandemia teve um impacto grande principalmente para os estudantes que não têm acesso, outro aspecto foi de trapacear, pesquisar no Google ou pedir para alguém fazer as atividades."

No entanto, esse período de distânciamento social acelerou mudanças no universo do trabalho e nas escolas. "A pandemia acelerou transformações sociais, passamos da era industrial para a era da informação, os professores devem mediar o conhecimento e estimular os estudantes a construírem seu aprendizado, terem mais autonomia, a trabalharem de forma colaborativa em grupo, "

McGrew explica que personalidade é algo muito difícil de mudar, no entanto, a motivação é algo que pode ser construido e desenvolvido ao longo da vida com base nos objetivos pessoais de cada aluno. "Um atleta olímpico que mergulha, ele segue instruções, precisa desenvolver a habilidade da percepção espacial e a motivação está em 'vou fazer isso', 'vou praticar', usar aspectos cognitivos para planejar e se desenvolver." 

Últimas