Educação Unicamp abre inscrições para o vestibular indígena e para a modalidade Enem-Unicamp

Unicamp abre inscrições para o vestibular indígena e para a modalidade Enem-Unicamp

Provas para os Indígenas serão unificadas com a UFSCar, e as inscrições são gratuitas; para os estudantes que usarem o exame nacional, a taxa é de R$ 30

  • Educação | Do R7

Resumindo a Notícia

  • Unicamp abre inscrições para vestibular indígena e Enem-Unicamp
  • Vagas são destinadas a estudantes de escolas públicas
  • Inscrições vão até o dia 30 de novembro

Rovena Rosa/Agência Brasil

A Comvest (Comissão Permanente para os Vestibulares) da Unicamp (Universidade Estadual de Campinas) abriu, nesta terça-feira (1º), as inscrições para dois processos seletivos com ingresso em 2023. A modalidade Enem-Unicamp 2023 oferece 639 vagas, destinadas a dois perfis de estudantes: 50% das vagas para candidatos que tenham cursado integralmente o ensino médio em escola pública e 50% das vagas para candidatos que tenham cursado integralmente o ensino médio em escola pública e sejam autodeclarados pretos, pardos ou indígenas.

Já o vestibular indígena oferece 130 vagas na Unicamp e outras 130 vagas na UFSCar (Universidade Federal de São Carlos) e está destinado a estudantes indígenas brasileiros que cursaram escolas públicas. Os candidatos ao vestibular indígena 2023 deverão comprovar que pertencem a uma das etnias indígenas do território brasileiro, por meio da documentação especificada no edital, a ser entregue no dia da prova.

As inscrições dos dois processos deverão ser feitas exclusivamente pelo site da Comvest até as 17h do dia 30 de novembro. As inscrições para o vestibular indígena são gratuitas, e para o processo Enem-Unicamp custam R$ 30. O pagamento da taxa poderá ser realizado até o dia 5 de dezembro. Candidatos que receberam a isenção, em maio, não precisam pagar a taxa, mas devem fazer a inscrição. Os editais com as regras de ambos os processos estão disponíveis nas respectivas páginas, no site da Comvest.

Provas

A prova do vestibular indígena será aplicada nas seguintes cidades: Bauru (SP), Campinas (SP), Dourados (MS), Manaus (AM), Recife (PE), São Gabriel da Cachoeira (AM) e Tabatinga (AM). O exame será realizado no dia 22 de janeiro de 2023 (seguindo o horário local). A avaliação será em língua portuguesa, composta de questões de múltipla escolha e uma redação, da seguinte maneira: linguagens e códigos (14 questões); ciências da natureza (12 questões); matemática (12 questões); ciências humanas (12 questões); e uma redação.

Na modalidade Enem-Unicamp, as provas são de responsabilidade do Inep (Instituto Nacional de Ensino e Pesquisa Anísio Teixeira). Os candidatos poderão utilizar somente as notas do Enem de 2022. Os pesos e notas mínimas exigidas em cada prova estão descritos no edital.

Últimas