Internacional Ameaça de bomba em voo vindo do Chade mobiliza polícia na França

Ameaça de bomba em voo vindo do Chade mobiliza polícia na França

Avião que vinha do Chade foi escoltado até o aeroporto Charles de Gaulle, em Paris, mas nenhum explosivo foi achado a bordo

AFP
O avião foi vasculhado por policiais de equipes anti-bomba no aeroporto Charles de Gaulle

O avião foi vasculhado por policiais de equipes anti-bomba no aeroporto Charles de Gaulle

Polícia Nacional da França / Divulgação via AFP - 3.6.2021

Uma ameaça de que haveria uma bomba a  bordo de um avião procedente do Chade mobilizou, nesta quinta-feira (3), as autoridades da França, que isolaram a aeronave assim que pousou em Paris e enviaram uma unidade de elite policial ao aeroporto. Os agentes, no entanto, concluíram que se tratou de um alarme falso.

Leia também: Acusado de atacar policial com faca na França é preso

"Não há nenhum artefato explosivo" a bordo do avião da Air France, que foi isolado no aeroporto de Roissy-Charles-de-Gaulle, indicou o ministro do Interior, Gérald Darmanin.

De acordo com uma fonte do aeroporto, durante o voo um homem conseguiu invadir a frequência de rádio dos pilotos e emitir uma ameaça de bomba.

"O comandante recebeu uma chamada informando de uma bomba a bordo, e disse que ele teria que aterrissar na Argélia", explicou uma fonte à AFP.

"O piloto informou à companhia e o avião foi escoltado por um avião caça Rafale até Roissy", acrescentou a fonte.

"Todos os ocupantes do avião foram submetidos a controles de identidade", acrescentou uma fonte próxima ao caso.

O GIGN, uma unidade de elite da polícia francesa, que foi enviada ao aeroporto, já "abandonou" o lugar, acrescentou.

Últimas