Coreia do Sul

Internacional Coreia do Norte dispara lança-foguetes, diz Coreia do Sul

Coreia do Norte dispara lança-foguetes, diz Coreia do Sul

Pyongyang teria disparado tiros em águas ocidentais ao longo de uma hora a partir das 7h20 na província de Pyongan do Sul

AFP
Ditador norte coreano, Kim Jong-Un, inspeciona área militar em Pyongyang

Ditador norte coreano, Kim Jong-Un, inspeciona área militar em Pyongyang

STR / KCNA VIA KNS / AFP

A Coreia do Norte realizou disparos de lança-foguetes neste domingo (20), informou o Exército da Coreia do Sul, no último episódio de um frenesi de testes de armas de Pyongyang este ano. "Houve tiros esta manhã que suspeitamos serem de vários lançadores de foguetes da Coreia do Norte", disse o Estado-Maior Conjunto da Coreia do Sul em mensagem a repórteres.

"Nossos militares mantêm nossas defesas prontas enquanto monitoram de perto os eventos relacionados", acrescentou, sem mais detalhes.

De acordo com a agência sul-coreana Yonhap, citando autoridades anônimas, Pyongyang disparou quatro tiros em águas ocidentais ao longo de uma hora a partir das 7h20 de um local não especificado na província de Pyongan do Sul.

O objetivo desses disparos estava sendo avaliado, acrescentou a agência.

O Conselho de Segurança Nacional da Coreia do Sul realizou uma reunião de emergência e enfatizou a necessidade de manter uma postura firme de defesas preparadas para "evitar um vácuo de segurança durante o período de transição do governo", informou a presidência em comunicado.

A Coreia do Sul realizou eleições presidenciais em 9 de março e seu vencedor, Yoon Suk-yeol, defensor de uma postura mais dura contra o Norte, não tomará posse até 10 de maio.

Seul e Washington consideram que a Coreia do Norte, com armamento nuclear, se prepara para lançar um míssil balístico intercontinental (ICBM) a pleno alcance pela primeira vez desde 2017, provavelmente disfarçado de lançamento espacial.

Na quarta-feira, o Exército sul-coreano alertou sobre um lançamento fracassado da Coreia do Norte que, segundo analistas, poderia ter sido esse projétil.

Últimas