Internacional Espanha vai retirar 200 pessoas do Afeganistão pelo Paquistão

Espanha vai retirar 200 pessoas do Afeganistão pelo Paquistão

Operação deve ser realizada nos próximos dias, mas não foram revelados detalhes de como será por questão de segurança

Agência EFE
Espanha vai retirar 200 pessoas do Afeganistão a partir da fronteira com o Paquistão

Espanha vai retirar 200 pessoas do Afeganistão a partir da fronteira com o Paquistão

EFE/EPA/SOHAIL SHAHZAD

A Espanha planeja retirar do Afeganistão nos próximos dias, por meio do vizinho Paquistão, cerca de 200 cidadãos afegãos com quem tem algum vínculo.

A operação de retidada dessas pessoas foi montada pelos Ministérios da Defesa e Relações Exteriores, cujos detalhes não foram divulgados, para preservar a segurança.

Fontes ligadas a essa operação confirmaram à Agência Efe que os 200 afegãos podem conseguir sair do país asiático em sua totalidade no início da próxima semana, se tudo correr conforme o planejado.

O ministro das Relações Exteriores espanhol, José Manuel Albares, viajou recentemente ao Paquistão e Qatar para transmitir às autoridades desses países o desejo de estabelecer formas de retirar de Cabul os colaboradores afegãos que não puderam deixar o país na primeira fase da operação de retirada.

Qatar e o Paquistão são os países que têm a relação política mais próxima com o Talibã, grupo extremista islâmico que comanda o Afeganistão.

Na primeira operação de retirada realizada pela Espanha, em agosto, 2.206 pessoas — entre cidadãos espanhóis e afegãos — foram levadas do aeroporto de Cabul para a base aérea de Torrejón de Ardoz, na região de Madri.

Últimas