Internacional Macron convoca reunião para examinar programa de espionagem

Macron convoca reunião para examinar programa de espionagem

Telefone de presidente francês e de outros ministros estão entre potenciais alvos do Pegasus, aplicativo de origem israelense

AFP
Macron está entre possíveis alvos de programa de espionagem Pegasus

Macron está entre possíveis alvos de programa de espionagem Pegasus

Ludovic Marin/Pool via REUTERS - 19.7.2021

O presidente francês, Emmanuel Macron, convocou um conselho de defesa "excepcional" nesta quinta-feira (22) para abordar o caso do programa de espionagem Pegasus de fabricação israelense, após informações sobre seu uso na França, anunciou o porta-voz do governo Gabriel Attal.

"O presidente acompanha de perto o tema e leva muito a sério", declarou Attal à rádio France Inter. Ele explicou que a reunião será dedicada ao caso Pegasus e à segurança cibernética, após a revelação de que os telefones de Macron estão entre os potenciais alvos do programa de espionagem.

Um consórcio de 17 meios de comunicação, incluindo Washington Post, The Guardian e Le Monde, informaram na terça-feira que um dos números de telefone de Macron e os de vários ministros do gabinete estão em uma lista de possíveis alvos do Pegasus.

Os jornais indicaram que não conseguiram confirmar se foi apenas uma tentativa de ataque ou se a ação teve sucesso.

Há provas de uma tentativa de pirataria no telefone do ex-ministro do Meio Ambiente e aliado de Macron Francois de Rugy, supostamente a partir do Marrocos.

O NSO Group, desenvolvedor do Pegasus, negou que Macron estivesse entre os alvos de seus clientes.

Últimas