Internacional Padre ortodoxo grego é baleado na França e agressor está foragido

Padre ortodoxo grego é baleado na França e agressor está foragido

Ataque contra religioso aconteceu em Lyon dois dias depois de um homem ter decapitado uma mulher e matado outras duas pessoas em Nice

Reuters - Internacional
Autor de ataque em Lyon, na França, está foragido

Autor de ataque em Lyon, na França, está foragido

EFE/EPA/MAXIME JEGAT FRANCE

Um padre ortodoxo grego foi baleado neste sábado (31) em uma igreja no centro da cidade francesa de Lyon por um agressor que fugiu na sequência, disseram uma fonte da polícia e uma testemunha.

Polícia da França prende outro suspeito de ataque em Nice

O padre foi baleado duas vezes por volta das 11h (horário de Brasília), ao fechar a a igreja em que atuava, afirmou a fonte à Reuters. O religioso foi atendido no local e a polícia isolou a área, mas não há pistas sobre o autor do crime. 

O incidente acontece dois dias depois de um homem ter decapitado uma mulher e matado outras duas pessoas em Nice, também na França. Há duas semanas um professor de uma escola em um subúrbio de Paris foi decapitado por um checheno de 18 anos. O motivo do ataque contra o educador seria o uso de caricaturas do profeta Maomé em sala de aula.

O presidente Emmanuel Macron enviou milhares de soldados para proteger lugares como locais de culto e escolas, e ministros do governo alertaram que outros ataques de militantes islâmicos poderiam acontecer. 

O ataque de Nice, no dia em que os muçulmanos comemoram o aniversário do profeta Maomé, ocorreu em meio à crescente irritação muçulmana em todo o mundo pela defesa da França do direito de publicar caricaturas retratando o profeta. 

Morte de brasileira em atentado na França deixa em choque família e amigos

Últimas