Internacional Pedro Sánchez toma posse como primeiro-ministro da Espanha

Pedro Sánchez toma posse como primeiro-ministro da Espanha

Socialista fez seu juramento diante do rei Felipe um dia depois de ser catapultado ao poder devido à queda do conservador Mariano Rajoy

  • Internacional | Ana Luísa Vieira, do R7, com agências internacionais

Sánchez tomou posse em Madrid

Sánchez tomou posse em Madrid

Emilio Naranjo/Pool via REUTERS/02.06.2018

Pedro Sánchez, líder do PSOE (Partido Socialista Operário Espanhol), tomou posse neste sábado (2) como o primeiro-ministro da Espanha. Ele fez seu juramento diante do rei Felipe um dia depois de ser catapultado ao poder devido à queda do conservador Mariano Rajoy, deflagrada por um escândalo de corrupção. As informações são da agência de notícias Reuters.

A cerimônia ocorreu no Palácio da Zarzuela, residência dos reis espanhóis em Madrid. 

Sánchez, de 46 anos, é um parlamentar pró-europeu que nunca fez parte do governo. Ele se torna, a partir de hoje, o sétimo governante do país desde o retorno da Espanha à democracia, no final dos anos 70.

Em pronunciamento na sexta-feira (1º), o novo premiê disse ao Congresso que seu Executivo garantirá a estabilidade e o respeito aos compromissos tomados com a Europa. O gabinete deve ser nomeado na semana que vem.

Histórico

O governo de Rajoy havia se iniciado em 2011 e foi marcado por tomada de medidas controversas de austeridade, implementadas em meio à crise financeira de 2008. Mas, durante sua gestão, a Espanha superou a crise e começou a liderar o crescimento da União Europeia, apesar de ainda enfrentar um índice de desemprego de 35% entre a população ativa de até 25 anos de idade.

Últimas