Internacional Presos atiram em policiais durante rebelião em presídio no Equador

Presos atiram em policiais durante rebelião em presídio no Equador

Autoridades equatorianas não informaram se os agentes presentes na prisão ficaram feridos durante ataque de encarcerados

AFP
Famílias de presos aguardam informações na porta do presídio, em Guayaquil

Famílias de presos aguardam informações na porta do presídio, em Guayaquil

Fernando Mendez/AFP - 1º/10/2021

Detentos abriram fogo contra policiais neste sábado (2) na mesma penitenciária de Guayaquil em que na terça-feira (28) passada uma rebelião terminou com pelo menos 118 mortos, incluindo seis decapitados, informou a polícia.

"Durante a intervenção da Polícia do Equador, na Penitenciária de Guayas, agentes foram recebidos com tiros pelas pessoas privadas da liberdade", escreveu a polícia no Twitter, sem informar se o ataque deixou vítimas.

A polícia acrescentou: "Neutralizamos imediatamente esta ação" e "no momento, o controle e a ordem são mantidos no centro penitenciário".

O incidente ocorreu na mesma penitenciária de Guayaquil onde na terça-feira explodiram confrontos entre gangues rivais ligadas ao narcotráfico internacional, que disputam o poder, com o balanço de pelo menos 118 mortos e 86 feridos, em um dos piores massacres carcerários na história da América Latina.

Na quinta-feira, o comandante da polícia, Tanny Varela, disse que as autoridades assumiram o controle da prisão, parte de um grande complexo penitenciário em Guayaquil.

Últimas