Estados Unidos

Internacional Quem é Stormy Daniels, a atriz de filmes adultos que é pivô das acusações contra Trump

Quem é Stormy Daniels, a atriz de filmes adultos que é pivô das acusações contra Trump

Ex-presidente americano pagou 130 mil dólares para que o caso extraconjugal não fosse revelado durante a campanha de 2016

  • Internacional | Do R7

Donald Trump e a atriz de filmes adultos Stormy Daniels tiveram um caso em 2006

Donald Trump e a atriz de filmes adultos Stormy Daniels tiveram um caso em 2006

MANDEL NGAN, Ethan Miller / AFP / GETTY IMAGES NORTH AMERICA - 14/02/2018

O ex-presidente dos EUA Donald Trump se tornou réu ao se apresentar ao tribunal de Manhattan, Nova York, na terça-feira (4). As 34 acusações estão relacionadas com um esquema para ocultar episódios da vida pessoal do político a fim de não prejudicar a campanha presidencial de 2016. 

A atriz de filmes adultos Stormy Daniels é o pivô do escândalo que envolve o bilionário. Ela recebeu 130 mil dólares (cerca de R$ 650 mil) na véspera das eleições para não revelar à imprensa que teve um caso com Trump. O relato poderia afastar o eleitorado e prejudicar a disputa com a democrata Hillary Clinton.

O nome verdadeiro de Stormy é Stephanie Clifford. Ela tem 44 anos e é de Baton Rouge, no estado americano da Louisiana.

Há mais de duas décadas, ela atua no ramo de filmes adultos, nos quais estrela e dirige vários vídeos.

Em 2018, a atriz publicou um livro em que conta sua trajetória, como que era boa aluna na escola e apaixonada por cavalos quando criança. 

Ela também revelou que sofreu abuso sexual quando tinha 9 anos e que sempre teve uma relação difícil com a família.

Antes de estrear na frente das câmeras, Stormy trabalhou em clubes de striptease e teria começado nesse trabalho quando ainda tinha 17 anos.

Ao longo da carreira, a americana participou de mais de cem filmes e recebeu dezenas de prêmios da indústria de filmes adultos.

Com a fama, foi convidada também para fazer participação em produções de comédia, como O Virgem de 40 Anos (2005) e Ligeiramente Grávidos (2007).

Caso com Trump

Stormy e Trump se conheceram durante um torneio de golfe em 2006. Ela conta que o empresário a convidou para jantar, e os dois foram a sua suíte em um hotel.

Naquele dia, os dois se relacionaram de forma consensual e não teriam mantido contato após o primeiro encontro.

A atriz afirma que Trump fez ligações para ela no ano seguinte. Os dois se encontraram novamente a pedido dele em julho de 2007, no Beverly Hills Hotel, em Los Angeles, para discutir sua possível aparição no reality show que o bilionário apresentava na TV americana, porém o convite nunca se concretizou.

Em 2018, a história do dinheiro dado para manter Stormy em silêncio foi divulgada pela imprensa. Desde então, a troca de acusações dos dois lados ocupa as páginas dos jornais e também publicações na internet.

Trump disse ser inocente diante do juiz e afirma estar sendo vítima de uma "caça às bruxas". O empresário rebate a acusação de pagamento de propina a Stormy e diz que foi alvo de extorsão.

Últimas