Internacional Surto de Ebola no oeste da África já deixou pelo menos 10 mortos

Surto de Ebola no oeste da África já deixou pelo menos 10 mortos

Seis pessoas morreram na Guiné e outras quatro na República Democrática do Congo; outros 17 casos já foram confirmados

  • Internacional | Do R7, com AFP

Ainda sem casos, a Libéria fez campanha para incentivar a 
higienização das mãos

Ainda sem casos, a Libéria fez campanha para incentivar a higienização das mãos

Ahmed Jallanzo / EPA - EFE - 19.2.2021

O novo surto de Ebola em países da África ocidental já deixou 10 mortos, segundo divulgou a Organização Mundial de Saúde (OMS) nesta quarta-feira (24). Seis das vítimas morreram na Guiné, o primeiro país a declarar uma nova epidemia da doença, há pouco mais de uma semana, e outras quatro, na República Democrática do Congo.

Leia também: Guiné lança campanha de vacinação contra surto de Ebola

Os dois países confirmaram, juntos, que têm 17 casos confirmados da doença: 9 na Guiné e 8 na RDC. Além disso, foram identificadas 1185 pessoas (394 na Guiné e 791 na RDC que tiveram contatos com as pessoas infectadas.

No caso da República Democrática do Congo, a OMS também divulgou que 658 pessoas já receberam a vacina contra o Ebola, um tipo de febre hemorrágica altamente contagioso transmitido pelo contato com animais infectados e pelos fluidos corporais das pessoas contaminadas. A Guiné iniciou a vacinação na terça-feira, mas ainda não forneceu números.

Chegada das vacinas

Na noite da última segunda-feira, 11,3 mil doses da vacina chegaram à Guiné, fornecidas pela OMS, e o país deve receber outras 8,7 mil doses vindas dos EUA ainda nesta quarta. A maior parte dos imunizantes será usada nas províncias de Gouecké e Nzérékoré, que ficam no sul do país, em uma região que faz fronteira com Serra Leoa, Libéria e Costa do Marfim

Este é o primeiro surto de Ebola na África Ocidental desde a epidemia de 2013-2016, que causou mais de 11.300 mortes, principalmente na Guiné, Libéria e Serra Leoa.

Últimas