Internacional Talibã fecha acordo com a Rússia para comprar trigo e produtos petrolíferos

Talibã fecha acordo com a Rússia para comprar trigo e produtos petrolíferos

Moscou está sob sanções ocidentais sem precedentes desde a invasão da Ucrânia, o que intensificou suas exportações para a Ásia

AFP
Talibã está no poder no Afeganistão desde setembro de 2021, quando os EUA deixaram o país

Talibã está no poder no Afeganistão desde setembro de 2021, quando os EUA deixaram o país

EFE

O Afeganistão chegou a um acordo para comprar milhões de toneladas de derivados de petróleo e trigo da Rússia, disseram autoridades do Talibã nesta quarta-feira (28).

A Rússia está sob sanções ocidentais sem precedentes por sua invasão da Ucrânia, o que levou Moscou a aumentar as exportações para países asiáticos para apoiar sua economia.

"O contrato foi fechado no mês passado, quando o ministro da Indústria e Comércio visitou a Rússia", disse à AFP Abdul Salam Jawad, porta-voz do ministério.

O acordo inclui o fornecimento ao Afeganistão de 1 milhão de toneladas de gasolina, 1 milhão de toneladas de diesel, 500 mil toneladas de gás liquefeito de petróleo (GLP) e 2 milhões de toneladas de trigo.

O Ministério da Economia informou que os suprimentos da Rússia chegarão "nas próximas semanas".

A crise econômica do Afeganistão só piorou desde que o Talibã voltou ao poder após a retirada apressada das forças estrangeiras lideradas pelos Estados Unidos em agosto passado.

Irã: entenda qual o papel e como age a polícia da moral

Últimas