Rússia x Ucrânia

Internacional União Europeia proíbe canais estatais russos RT e Sputnik

União Europeia proíbe canais estatais russos RT e Sputnik

Presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen, disse que é preciso impedir "a máquina midiática" do governo da Rússia

AFP
Ursula von de Leyen em entrevista coletiva nesta terça-feira (1º)

Ursula von de Leyen em entrevista coletiva nesta terça-feira (1º)

Stephanie Lecocq/POOL/AFP - 1º.3.2022

Os 27 países da União Europeia decidiram nesta terça-feira (1º) proibir a transmissão dos meios de comunicação estatais russos RT e Sputnik. O bloco econômico também autorizou a exclusão de "alguns bancos russos" do sistema de mensagens interbancárias Swift.

Serão proibidos os conteúdos da agência Sputnik, assim como a transmissão em inglês, alemão, francês e espanhol do Russia Today nas redes de televisão e na internet dentro do território da União Europeia.

"Vamos proibir a máquina midiática do Kremlin", declarou no domingo (27) a presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen.

Os representantes dos Estados-membros também concordaram em barrar a participação de europeus em projetos que contam com financiamento do fundo soberano russo RDIF, como resposta à invasão russa da Ucrânia, disse a presidência francesa da União Europeia no Twitter.

Esta leva de sanções contra a Rússia entrará em vigor na quarta-feira (2) após sua publicação no Diário Oficial da União Europeia, que especificará os nomes dos bancos afetados.

Os aliados ocidentais haviam anunciado no sábado (26) a intenção de excluir os bancos russos do Swift para reforçar "o isolamento" da Rússia. A sanção é considerada uma "arma atômica" financeira: o sistema facilita operações como o trânsito de ordens de pagamento e ordens de transferência de fundos entre bancos.

Últimas