Minas Gerais Audiência no TJMG suspende mineração na Serra do Curral 

Audiência no TJMG suspende mineração na Serra do Curral 

Decisão foi tomada nesta sexta-feira (5); atividades foram paralisadas até conclusão das discussões sobre o tombamento 

  • Minas Gerais | Ricardo Vasconcelos, da Record TV Minas

Mineração na Serra do Curral está suspensa enquanto tombamento da área é discutido

Mineração na Serra do Curral está suspensa enquanto tombamento da área é discutido

Cristiano Machado/Imprensa MG

As atividades de mineração estão suspensas na Serra do Curral. A decisão foi tomada na tarde desta sexta-feira (5), durante  audiência de conciliação no (TJMG) Tribunal de Justiça de Minas Gerais. 

A Mineradora Tamisa (Taquaril Mineração SA) se comprometeu a não realizar qualquer intervenção na área até que as discussões sobre o tombamento estadual sejam concluídas. Uma nova audiência foi agendada para o dia 2 de setembro.

De acordo com o MPMG (Ministério Público de Minas Gerais), que também participou da audiência, durante esse período, a mineradora também se comprometeu a não fazer qualquer desmatamento na área do empreendimento.

A audiência foi realizada no (Cejusc) Centro Judiciário de Solução de Conflitos e Cidadania de 2º Grau e também contou com a participação de integrantes do governo de Minas, Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (Semad), Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico de Minas Gerais (Iepha), Conselho Estadual do Patrimônio Cultural (Conep) e municípios de Belo Horizonte, Nova Lima e Sabará.

Mineração

A mineração na Serra do Curral pela Tamisa foi autorizada nos dias 13 e 14 do mês passado, em duas decisões distintas. Na primeira, a Justiça negou um pedido do MPF (Ministério Público Federal) e autorizou a Tamisa a cortar a vegetação da área onde funcionará o complexo minerário na Serra do Curral. Na segunda, a Justiça voltou a liberar a atividade minerária da empresa.

Últimas