Minas Gerais Dengue em Minas chega a 400 mil casos e 74 mortes no ano

Dengue em Minas chega a 400 mil casos e 74 mortes no ano

Conforme balanço da Secretaria de Estado de Saúde, somente na última semana foram registrados sete óbitos e mais de 26 mil casos prováveis

Minas registrou sete mortes em uma semana

Minas registrou sete mortes em uma semana

Reprodução/RecordTV

O número de casos de dengue em Minas Gerais chegou a quase 400 mil no ano. Somente na última semana, a quantidade de notificações aumentou em 27 mil, de acordo com balanço da SES (Secretaria de Estado de Saúde). 

O número de mortes causadas em decorrência da dengue passou de 67 para 74, no intervalo de uma semana, e outros 127 óbitos estão sendo investigados pela pasta. Os municípios com maior quantidade de mortes registradas são Uberlândia (14), Belo Horizonte (12), Betim (12), João Pinheiro (4) e Juiz de Fora (4).

Ainda de acordo com o balanço da SES, 232 municípios estão com incidência alta ou muito alta da doença, quando são registrados mais de 300 ou 500 casos para cada grupo de 100 mil pessoas, respectivamente. As regiões mais afetadas são o Triângulo Mineiro, Alto Paranaíba, Central (onde está Belo Horizonte), além do Norte do Estado. 

Municípios em vermelho escuro tem incidência muito alta da doença

Municípios em vermelho escuro tem incidência muito alta da doença

Reprodução/Secretaria de Estado de Saúde

Febre chikungunya

Desde o início do ano, foram registrados 2.322 casos prováveis de chikungunya. Desse total, 66 gestantes apresentaram os sintomas da doença e exames laboratoriais confirmaram a ocorrência em quatro mulheres até o momento. A secretaria não confirmou nenhuma morte para a doença neste ano, mas investiga dois óbitos. 

Zika 

Com relação ao zika vírus, foram registrados 1.145 casos prováveis da doença, que também é transmitida pelo Aedes aegypti. Desse total, 424 foram identificados em gestantes que vivem em 74 municípios. Em Belo Horizonte, são 80 casos.