Minas Gerais Homem envenena esposa com cerveja contaminada na Grande BH

Homem envenena esposa com cerveja contaminada na Grande BH

De acordo com a Polícia Civil, ele teria se inspirado no caso da cervejaria Backer para contaminar cerveja com dietilenoglicol

  • Minas Gerais | Luiz Casoni, da RecordTV Minas

Uma mulher está internada em estado grave em um hospital de Belo Horizonte depois de ter sido envenenada pelo próprio marido. Segundo a Polícia Civil, que investiga o caso, o homem confessou que serviu a ela um copo de cerveja com dietilenoglicol, a mesma substância tóxica encontrada em cervejas da Backer. 


Suspeito disse ter se inspirado no caso da Backer

Suspeito disse ter se inspirado no caso da Backer

Divulgação / MPMG / André Lanna

De acordo com a delegada Lígia Mantovani, o suspeito, de 42 anos, que já está preso, teria se inspirado no caso de contaminação que ocorreu em Belo Horizonte no ano passado.

— O caso da cerveja Backer teria sido uma inspiração para ele. O suspeito aproveitou o momento oportuno para envenenar a esposa e deu a ela o copo de cerveja

O crime ocorreu no dia 11 de abril na cidade de Mateus Leme, na região metropolitana de Belo Horizonte. 

Após ingerir a bebida contaminada, a mulher, de 37 anos, começou a passar mal e foi internada em um hospital na capital mineira. O estado dela é grave. 

O suspeito teria se arrependido do ato e confessou para a Polícia que comprou a substância pela internet. Os dois são casados há 19 anos e, segundo a delegada responsável pelo caso, a motivação para o crime são desavenças antigas entre o casal, além de problemas financeiros.

— O suspeito comprou um frasco 200 ml a R$ 35. A compra da substância será investigada e o vendedor também poderá ser responsabilizado.

Os dois filhos do casal ficaram sob os cuidados de um parente. O suspeito está preso e pode responder por tentativa de feminicídio. Caso seja condenado, ele pode pegar entre 12 e 30 anos de prisão. 

Últimas