Minas Gerais Jovem é condenado a 26 anos de prisão por matar a ex em BH

Jovem é condenado a 26 anos de prisão por matar a ex em BH

Autor do crime também tentou assassinar a sogra, que presenciou o crime; segundo a denúncia, ele não aceitava o término

Ester foi morta enquanto ia para o trabalho

Ester foi morta enquanto ia para o trabalho

Reprodução / Record TV Minas

Um jovem de 21 anos foi condenado, nesta segunda-feira (26), a 26 anos de prisão pelo assassinato da ex-namorada, Ester Ferreira Gomes, morta aos 20 anos, no bairro Alto Vera Cruz, na região Leste de Belo Horizonte.

Talison Martins da Silva também foi condenado por tentar matar a ex-sogra, que presenciou a morte de Ester e tentou proteger a filha. O crime aconteceu em março de 2020.

Durante o julgamento, o jovem disse que o crime não foi premeditado e que ele estava armado já que vinha recebendo ameaças. O réu ainda disse que atirou contra a jovem após uma discussão. Em sua fala, ele pediu desculpas à família da vítima.

No lado da acusação, o Ministério Público defendeu que Silva foi motivado pelo fato de não aceitar o término do namoro, o que caracterizou motivo torpe. Outro agravante para a pena foi o uso de meio que impediu a defesa da vítima, já que Ester foi abordada enquanto saía para o trabalho.

Após o crime, a família da vítima criou a página "Justiça por Ester" nas redes sociais para divulgar ações de combate à violência doméstica e ao feminicídio. Silva foi preso dois dias após o crime e seguirá detido para cumprir a pena em regime fechado. A reportagem não conseguiu contato com a defesa do condenado.

Relembre detalhes do caso:

Últimas